Busca avançada
Ano de início
Entree

Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia do Sangue

Processo: 08/57895-1
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Temático
Vigência: 01 de março de 2009 - 31 de maio de 2015
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Clínica Médica
Convênio/Acordo: CNPq - INCTs
Pesquisador responsável:Sara Teresinha Olalla Saad
Beneficiário:Sara Teresinha Olalla Saad
Instituição-sede: Centro de Hematologia e Hemoterapia (HEMOCENTRO). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Doenças hematológicas  Fisiopatologia  Sangue 

Resumo

O presente projeto tem o objetivo de criar o Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia do Sangue. A missão deste instituto será: 1. Realizar e promover pesquisa de vanguarda e competitiva comparável aos melhores padrões internacionais na área do Sangue e Suas Doenças e do Sangue e Seus Produtos, servindo como referência de excelência nacional e contribuindo efetivamente para o desenvolvimento nacional nesta área estratégica para a saúde da população. As investigações englobam aspectos básicos com grande potencial de descobertas importantes para terapêutica ou ciência aplicada; 2. Promover a formação de cientistas de inserção internacional, além de especialistas e técnicos em todos os níveis na área do Sangue, e de técnicos especializados que atuem como referência regional, fortalecendo a rede de pesquisa e produção relacionada ao Sangue em todo o país; 3. Atuar de forma consistente na difusão do conhecimento científico na área do Sangue, com foco no ensino médio e na educação científica da população geral; 4. Atuar em sinergia com o setor produtivo empresarial e com o governo para que ideias com potencial produtivo completem o ciclo até o desenvolvimento de produtos comerciais ou iniciativas governamentais que se traduzam em benefícios efetivos para a sociedade. Para tal, os seguintes objetivos devem ser cumpridos: 1) caracterizar o papel de novos genes e seus produtos na fisiopatologia de doenças hematológicas. Estas vêm sendo identificadas, através de estudos prévios de rastreamento de mutações, projetos genoma brasileiros, técnicas de microarray e SAGE. I: os estudos serão feitos 'in vitro' em linhagens celulares e em amostras de pacientes e em modelos animais. 2) Caracterizar as alterações celulares principalmente aquelas relacionadas à adesão celular e ao metabolismo do óxido nítrico em pacientes com anemias hemolíticas hereditárias e adquiridas e em modelos animais. Além disso, estudar o mecanismo de silenciamento do gene da globina gama após o nascimento utilizando modelo animal de persistência hereditária de hemoglobina fetal produzido em nosso laboratório. 3) Caracterizar o papel de fatores da coagulação, fibrinólise e angiogênese na resposta inflamatória sistêmica da sepse e no contexto das febres hemorrágicas endêmicas no Brasil; caracterizar o papel de novos elementos (novos fatores de risco) na fisiopatogenia do tromboembolismo venoso, avaliando o possível significado prognóstico dos mesmos; caracterizar do ponto de vista epidemiológico e do ponto de vista molecular, os fatores de risco para desenvolvimento de inibidores em pacientes com hemofilia no Brasil. 4) Estabelecimento de uma plataforma para produção local de vetores virais lentivírus para uso em estudos funcionais e estudos de terapia gênica 5) Estabelecimento da uma colônia de cães com hemofilia A no Brasil para uso pela instituição e parceiros no setor empresarial e acadêmico, essencial para estudo de terapia gênica e convencional 6) Detecção de anormalidades moleculares e celulares nas hemopatias benignas e malignas visando aperfeiçoar técnicas diagnósticas e detectar marcadores prognósticos. 7) Elaboração de novos protocolos de tratamento para doenças hematológicas e implantar terapia gênica com vetores virais e protocolo terapêutico utilizando vacinas com células dendríticas. 8) Criação de núcleo para terapia de suporte para pacientes onco-hematológicos, possibilitando quimioterapia mais agressiva. 9) Implementar novos protocolos de tratamento fisioterápico e odontológico para todos os pacientes hematológicos 10) Investigar poli morfismos em grupos sanguíneos, plaquetas e citocinas e relacioná-los com quadro clínico em reações transfusionais, aloimunização e doenças infecciosas como dengue e febre maculosa. 11) Avaliar as alterações de hemocomponentes celulares durante o período de estocagem e analisar o comportamento de diferentes meios de preservação. 12) Desenvolvimento de novas formas de transplante de células tronco de medula óssea, sangue de cordão e células mesenquimais, incluindo transplante haploidêntico. 13) Dar contribuição ativa e relevante para a formulação de políticas públicas na área do sangue e seus produtos e do sangue e suas doenças. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Pesquisadores da Unicamp desvendam papel de proteína em metástase 
Anemia falciforme é problema cada vez mais grave, diz especialista 

Publicações científicas (5)
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
DE LIRA BENICIO, MARIANA TEREZA; TIBURCIO RIBEIRO, ANA FLAVIA; AMERICO, ANDRE D.; FURTADO, FELIPE M.; GLORIA, ANA B.; LIMA, ALEIDE S.; SANTOS, SILVANA M.; XAVIER, SANDRA G.; LUCENA-ARAUJO, ANTONIO R.; FAGUNDES, EVANDRO M.; REGO, EDUARDO M. Evaluation of the European LeukemiaNet recommendations for predicting outcomes of patients with acute myeloid leukemia treated in low- and middle-income countries (LMIC): A Brazilian experience. Leukemia Research, v. 60, p. 109-114, SEP 2017. Citações Web of Science: 3.
RIBEIRO, THIAGO B.; DUARTE, ADRIANA S. S.; LONGHINI, ANA LEDA F.; PRADELLA, FERNANDO; FARIAS, ALESSANDRO S.; LUZO, ANGELA C. M.; OLIVEIRA, ALEXANDRE L. R.; OLALLA SAAD, SARA TERESINHA. Neuroprotection and immunomodulation by xenografted human mesenchymal stem cells following spinal cord ventral root avulsion. SCIENTIFIC REPORTS, v. 5, NOV 9 2015. Citações Web of Science: 21.
BERNUSSO, VANESSA A.; MACHADO-NETO, JOAO A.; PERICOLE, FERNANDO V.; VIEIRA, KARLA P.; DUARTE, ADRIANA S. S.; TRAINA, FABIOLA; HANSEN, MARC D.; SAAD, SARA T. OLALLA; BARCELLOS, KARIN S. A. Imatinib restores VASP activity and its interaction with Zyxin in BCR-ABL leukemic cells. BIOCHIMICA ET BIOPHYSICA ACTA-MOLECULAR CELL RESEARCH, v. 1853, n. 2, p. 388-395, FEB 2015. Citações Web of Science: 5.
DOS SANTOS, ANDREY; CORDEIRO DANTAS, LARISSA ELIZABETH; TRAINA, FABIOLA; DE ALBUQUERQUE, DULCINEIA MARTINS; CHAIM, ELINTON ADAMI; SAAD, SARA T. OLALLA. Pyrimidine-5 `-nucleotidase Campinas, a new mutation (p.R56G) in the NT5C3 gene associated with pyrimidine-5 `-nucleotidase type I deficiency and influence of Gilbert's Syndrome on clinical expression. BLOOD CELLS MOLECULES AND DISEASES, v. 53, n. 4, p. 246-252, DEC 2014. Citações Web of Science: 1.
LANARO, C.; FRANCO-PENTEADO, C. F.; ALBUQUEQUE, D. M.; SAAD, S. T. O.; CONRAN, N.; COSTA, F. F. Altered levels of cytokines and inflammatory mediators in plasma and leukocytes of sickle cell anemia patients and effects of hydroxyurea therapy. Journal of Leukocyte Biology, v. 85, n. 2, p. 235-242, Feb. 2009. Citações Web of Science: 93.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.