Busca avançada
Ano de início
Entree

Encapsulamento completo de transdutores descartáveis de pressão sanguínea

Resumo

As tecnologias da microeletrônica já consolidadas configuram-se como pilar estratégico que viabilizaram a revolução industrial e, especificamente agora, permitem uma forte competência da tecnologia de sensores. Assim, empresas de semicondutores entraram no mercado de sensores como uma expansão lógica de suas atividades em circuitos integrados, porque elas já possuem a maioria dos equipamentos necessários à sua fabricação e os canais apropriados de marketing. Os sensores de pressão de silício representam atualmente a maior percentagem no mercado mundial de produtos gerados pela tecnologia Mems (Micro Electro Mechanical System). Essa tecnologia vem modificando drasticamente, nos últimos 20 anos, os mercados de sensores, atuadores, instrumentação e controle. A presente pesquisa objetiva o desenvolvimento de um processo completo de manufatura de transdutores de pressão sangüinea de silício descartáveis para uso biomédico. Trata-se de um produto sem similar nacional, que permitirá alavancar o desenvolvimento tecnológico dessa área. A empresa Torr é fruto do trabalho de 15 anos de pesquisas realizadas em centros tecnológicos localizados no Estado de São Paulo (Escola Politécnica da Universidade de São Paulo - Epusp, Instituto de Pesquisas Tecnológicas - IPT, e Instituto do Coração - InCor). O objetivo é desenvolver, fabricar e comercializar esses dispositivos para atender à demanda do setor de saúde. O transdutor descartável de pressão sangüínea é constituído por um chip microssensor de silício, uma cápsula interna e gel de proteção e uma cápsula externa com interconexões e conectores elétricos e fluídicos. As especificações técnicas desse transdutor deverão obedecer a todas as normas internacionais. (AU)