Busca avançada
Ano de início
Entree

Uso da ventilação com pressão positiva intermitente com volume corrente crescente em equinos anestesiados: avaliação cardiopulmonar e efeitos sobre a distribuição regional da ventilação e perfusão com emprego do tomógrafo de impedância

Processo: 06/55116-0
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de julho de 2007 - 30 de junho de 2009
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Medicina Veterinária - Clínica e Cirurgia Animal
Pesquisador responsável:Francisco José Teixeira Neto
Beneficiário:Francisco José Teixeira Neto
Instituição-sede: Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia (FMVZ). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu , SP, Brasil
Assunto(s):Equinos  Anestesiologia veterinária  Ventilação com pressão positiva intermitente  Tomografia de impedância elétrica  Hemodinâmica 

Resumo

No presente projeto de pesquisa hipotetizou-se que o emprego de volumes correntes crescentes associados à PEEP de 10 cm de H2O em equinos anestesiados em decúbito dorsal resultaria em melhora da oxigenação arterial (PaO2), redução do shunt pulmonar, bem como na melhora na distribuição relativa da ventilação e perfusão pulmonar, de acordo com a tomografia de impedância elétrica. Serão utilizados 6 equinos adultos com peso superior a 500 kg. Os animais serão instrumentados com cateter de termodiluição, cateter arterial e cateter venoso central para monitoração hemodinâmica invasiva. Além dos parâmetros mencionados, serão realizadas análises hemogasométricas do sangue arterial e venoso misto (artéria pulmonar) para cálculo das variáveis hemodinâmicas e metabólicas. (AU)