Busca avançada
Ano de início
Entree

Caracterização molecular de Hepatozoon spp, (Apicomplexa, hepatozoidae) de serpentes do Brasil

Processo: 06/55830-4
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de setembro de 2006 - 31 de agosto de 2008
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Parasitologia
Pesquisador responsável:Lucia Helena O'Dwyer de Oliveira
Beneficiário:Lucia Helena O'Dwyer de Oliveira
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IBB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu , SP, Brasil
Assunto(s):Serpentes  Caracterização molecular  Reação em cadeia por polimerase (PCR) 

Resumo

O gênero Hepatozoon compreende protozoários pertencentes ao filo Apicomplexa e que parasitam hemácias de répteis. E um parasita heteróxeno que apresenta o ciclo evolutivo típico dos coccídeos, envolvendo um estágio merogônico (fase assexuada) no hospedeiro vertebrado e outro, gametogônico e esporogônico, no vetor invertebrado. A ocorrência de Hepatozoon em serpentes brasileiras é elevada em na região de Botucatu, SP, a infecção foi observada em 16,4% das serpentes examinadas (39/238). As espécies de serpentes com maiores taxas de infecção foram Boa constrictor amarali, Bothrops jararaca e Crotalus durissus terrificus com 38,9%, 35,3% e 19,4% de ocorrência, respectivamente. O critério taxonômico empregado para a identificação de Hepatozoon tem sido baseado principalmente na caracterização morfológica dos gamontes no sangue periférico do hospedeiro vertebrado e também dos cistos encontrados nos órgãos internos dos hospedeiros vertebrados e invertebrados. Entretanto, os cistos e gamontes das diferentes espécies de Hepatozoon são muito semelhantes entre si, o que torna falha a identificação baseado somente nessas características. Para a determinação das espécies de Hepatozoon que ocorrem em serpentes é necessário realizar estudos moleculares, que incluem a técnica de PCR, o seqüenciamento e também, a clonagem do DNA extraído. Com estes dados, aliados aos dados morfométricos e biológicos, será possível caracterizar e nomear algumas espécies de Hepatozoon que acometem serpentes, no Brasil. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
MOCO, TATIANA CRISTINA; DA SILVA, REINALDO JOSE; MADEIRA, NEWTON GOULART; PADUAN, KARINA DOS SANTOS; RUBINI, ADRIANO STEFANI; MENEZES LEAL, DENISE DUTRA; O'DWYER, LUCIA HELENA. Morphological, morphometric, and molecular characterization of Hepatozoon spp. (Apicomplexa, Hepatozoidae) from naturally infected Caudisona durissa terrifica (Serpentes, Viperidae). Parasitology Research, v. 110, n. 4, p. 1393-1401, APR 2012. Citações Web of Science: 13.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.