Busca avançada
Ano de início
Entree

Caracterização bioquímica e molecular das proteínas desacopladoras de mitocôndrias em plantas empregando diferentes abordagens

Processo: 06/59912-5
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de fevereiro de 2007 - 31 de janeiro de 2009
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Genética - Genética Molecular e de Microorganismos
Pesquisador responsável:Ivan de Godoy Maia
Beneficiário:Ivan de Godoy Maia
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IBB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu , SP, Brasil
Assunto(s):Mitocôndrias  Arabidopsis  Oxidase alternativa 

Resumo

A proteína mitocondrial desacopladora (uncoupling mitochondrial protein; UCP) permite a dissipação do gradiente de prótons criado pelas bombas redox da cadeia respiratória. Considerada até então uma aquisição evolutiva exclusiva de mamíferos, a presença de proteínas do tipo UCP em mitocôndrias de vegetais superiores foi demonstrada em 1995 e desde então a sua atividade e regulação vêm sendo investigadas. O presente projeto pretende dar continuidade a esses estudos, investigando alguns dos aspectos funcionais dessa proteína em plantas. Para tal, diferentes estratégias serão empregadas: estudos de estrutura/função através da introdução de mutações pontuais e análise da atividade das proteínas mutantes em experimentos de reconstituição; análise do padrão de expressão dos genes que codificam UCP em Arabidopsis thaliana; análise funcional de regiões promotoras e co-expressão de proteínas dissipadoras de energia em plantas transgênicas visando avaliar o comportamento das mesmas frente a diferentes estresses. Espera-se que os resultados obtidos permitam revelar aspectos importantes da funcionalidade desta proteína em plantas. (AU)