Busca avançada
Ano de início
Entree

Uso do sequenciamento de genes mitocondriais para estudo da biodiversidade e caracterização da estrutura populacional de crisopídeos (Hexapoda: Neuroptera: Chrysopidae) em diferentes ecossistemas no estado de São Paulo

Processo: 06/03494-0
Modalidade de apoio:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de abril de 2007 - 31 de março de 2009
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Agronomia - Fitossanidade
Pesquisador responsável:Sérgio de Freitas
Beneficiário:Sérgio de Freitas
Instituição Sede: Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias (FCAV). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Jaboticabal. Jaboticabal , SP, Brasil
Assunto(s):Controle biológico  Pragas de plantas  Variação genética  Insetos nocivos  Análise de sequência de DNA 
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Coi | Controle Biologico | Predador | Sequenciamento De Genes | Sistematica Molecular | 16S | Controle de pragas

Resumo

Uma das formas de promover a redução populacional de uma praga está na manipulação de agentes biológicos como, por exemplo, insetos predadores. Os insetos crisopídeos são citados na literatura como vorazes predadores na fase larval e algumas vezes também na fase adulta. Apesar de sua explícita importância, são pouco estudados e conhecidos no Brasil. Sua taxonomia é complexa e em constante mudança para acomodação dos táxons. A família apresenta grandes problemas, como por exemplo ainda não é conhecida a variação intra e inter populacional das espécies sem a determinação desta variação fica muito difícil a identificação correta. Uma das grandes preocupações em qualquer programa de controle biológico é a correta identificação do inimigo natural a ser utilizado. Alem disto é preciso a identificação da população tendo em vista a grande variabilidade genética que pode ocorrer em populações naturais. Vários estudos têm mostrado que existem variações genéticas nas populações como produto da seleção natural. Até recentemente o fenótipo regia a identificação das espécies de insetos. Entretanto, várias situações mostravam que diferentes populações se comportavam diferentemente em relação ao biotopo local. Isto configurava populações com diferentes estruturas genéticas e populacionais. Populações de insetos de mesma espécie respondendo diferentemente quanto a sensibilidade a determinado inseticida. Faz se então necessário o conhecimento da estrutura genética de cada população estabelecendo-se as distancias genéticas. A biologia molecular tem proporcionado a ferramenta para o estudo tanto na identificação como na caracterização populacional. Diante disto, propõe-se o presente projeto para conhecimento da seqüência de bases que caracterizem as diferentes espécies e populações de insetos da família Chrysopidae (Hexapoda, Neuroptera)de ocorrência em cerrado, mata atlântica e ecossistema citricola no Estado de São Paulo. Serão coletados insetos com uso de rede entomológica e estes serão armazenados em álcool absoluto em freezer. Para inicio, haverá o sequenciamento dos genes COI e 16S e estudo da estrutura genética populacional de espécies dos gêneros Ceraeochrysa, Chrysopodes, Chrysoperla, Plesiochrysa, Leucochrysa (Leucochrysa) Leucochrysa (Nodita), entretanto, com o estabelecimento do laboratório de biologia molecular, outros gêneros, espécies e populações ou mesmo outros grupos de insetos serão estudados. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas (4)
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
NARA C. C. P. BARBOSA; SÉRGIO DE FREITAS; ADRIANA C. MORALES. Distinct genetic structure in populations of Chrysoperla externa (Hagen) (Neuroptera, Chrysopidae) shown by genetic markers ISSR and COI gene. Revista Brasileira de Entomologia, v. 58, n. 2, p. 203-211, . (06/03494-0)
MORALES, A. C.; LAVAGNINI, T. C.; FREITAS, S.. Loss of Genetic Variability Induced by Agroecosystems: Chrysoperla externa (Hagen) (Neuroptera: Chrysopidae) as a Case Study. Neotropical Entomology, v. 42, n. 1, p. 32-38, . (06/03494-0, 08/05727-8)
LAVAGNINI, T. C.; MORALES, A. C.; FREITAS, S.. Genética de populações de Chrysoperla externa (Neuroptera: Chrysopidae) e implicações para o controle biológico. Brazilian Journal of Biology, v. 75, n. 4, p. 878-885, . (06/03494-0)

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.