Busca avançada
Ano de início
Entree

Participação social e discursos sobre a sustentabilidade: um estudo das dinâmicas e conflitos em torno de projetos e políticas públicas de desenvolvimento rural no Vale do Ribeira

Processo: 06/03573-8
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de junho de 2007 - 30 de novembro de 2009
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Sociologia - Sociologia Rural
Pesquisador responsável:Paulo Eduardo Moruzzi Marques
Beneficiário:Paulo Eduardo Moruzzi Marques
Instituição-sede: Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (ESALQ). Universidade de São Paulo (USP). Piracicaba , SP, Brasil
Assunto(s):Agricultura familiar  Desenvolvimento agrícola  Participação social  Poder social 

Resumo

Este projeto de pesquisa se inscreve nas linhas de trabalho do autor enquanto docente da área de sociologia rural do Departamento de Economia, Administração e Sociologia da Escola Superior de Agricultura "Luiz de Queiroz" da Universidade de São Paulo (ESALQ/USP). A concepção deste projeto funda-se no objetivo de investigar campos de conflitos, atores sociais e poder em torno de iniciativas de desenvolvimento rural lançadas para as regiões em certa medida desfavorecidas do estado de São Paulo. Nesta perspectiva, pretende-se refletir sobre os fundamentos nos quais se assentam os argumentos dos diferentes atores, discutindo suas justificativas e delineando um campo de disputas e produção de idéias. A região escolhida para o desenvolvimento da pesquisa é aquela do Vale do Ribeira, na qual diferentes interesses encontram-se em jogo: a agricultura familiar é a mais numerosa do estado de São Paulo; a defesa das comunidades quilombolas, caiçaras e indígenas se assenta em seus direitos ancestrais; empresas de reflorestamento, companhias agropecuárias e empreendedores imobiliários e turísticos pleiteiam o desenvolvimento econômico regional; entidades ambientalistas alertam para os riscos crescentes que pesam sobre uma das últimas grandes reservas naturais no estado. Neste quadro, a pesquisa se interessa notadamente para o estudo da implantação de conselhos locais e regionais de desenvolvimento, cuja disseminação foi intensa nestes últimos anos. Trata-se de analisar em que medida suas dinâmicas modificam as lógicas e hierarquias do campo político local. (AU)