Busca avançada
Ano de início
Entree

Oxidação fotoeletrocatalítica de corantes têxteis e de curtumes em eletrodos nanoporosos de Ti/TiO2

Resumo

Em virtude do aspecto relevante da contaminação real de águas superficiais e das águas de estação de abastecimento de populações metropolitanas por corantes dispersos e ácidos, provenientes do descarte da indústria têxtil e curtumes e da preocupação com as propriedades mutagênicas e/ou carcinogênicas destes corantes ou seus derivados, é nosso objetivo investigar o desenvolvimento de novas técnicas de remoção desses corantes, surfactantes e resíduos de crômio VI, utilizando-se o processo de fotoeletrocatálise com anodos de filmes finos de TiO2, via geração de radical hidroxila e via geração de radical cloro. A oxidação fotocatalítica destes corantes será investigada empregando-se fotoeletrodos de titânio metálico recoberto com nanocamadas de TiO2 (forma anatase) sem e com dopagem com Ferro, Vanádio e Crômio, nanotubos de TiO2 e placas de ITO recobertos por TiO2 preparados e caracterizados segundo metodologia adequada. (AU)

Patente(s) depositada(s) como resultado deste projeto de pesquisa

PROCESSO DE TRATAMENTO DE EFLUENTES TÊXTEIS POR OXIDAÇÃO FOTOELETROCATALÍTICA E RESPECTIVO ELETRODO SEMICONDUTOR DE TI/TI02 PI1002795-5 - Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP) ; Universidade Estadual Paulista (UNESP) . Maria Valnice Boldrin Zanoni; Fabiana Maria Monteiro Paschoal; Juliano Carvalho Cardoso; Thaís Tasso Guaraldo - 23 de julho de 2010