Busca avançada
Ano de início
Entree

Influência da infecção por Yersinia pseudotuberculosis sobre o comportamento das células dendríticas

Processo: 06/06964-8
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de agosto de 2007 - 31 de outubro de 2009
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Imunologia - Imunologia Celular
Pesquisador responsável:Beatriz Maria Machado de Medeiros
Beneficiário:Beatriz Maria Machado de Medeiros
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Farmacêuticas (FCFAR). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Araraquara. Araraquara , SP, Brasil
Assunto(s):Yersinia pseudotuberculosis  Células dendríticas  Aderência bacteriana  Apoptose  Citocinas  Linfócitos T 

Resumo

Yersinia pseudotuberculosis e Y. enterocolitica são patógenos que causam desordens gastrintestinais. Estudos utilizando infecção in vitro demonstraram que Y. enterocolitica pode ter como alvo as células dendríticas (DCs), afetando várias de suas funções, incluindo maturação, assim como produção de citocinas. Além disso, Y. enterocolitica induz apoptose de DCs murinas. Estas alterações em DCs contribuem para a diminuição da ativação de células T CD4+. Estudos são necessários para investigar se as mudanças nas DCs induzidas por Yersinia também são observadas “in vivo”, isto é, após infecção de camundongos com amostras patogênicas de Yersinia. O objetivo deste projeto é verificar o comportamento das células dendríticas obtidas do baço e placas de Peyer, durante a infecção por via intragástrica de camundongos susceptíveis (BALB/c) e resistentes (C57BL/6) com amostra de Y. pseudotuberculosis e seu par isogênico, curado do plasmídeo de virulência. Para tanto serão analisados aspectos como a expressão de moléculas de adesão, a ocorrência de apoptose e a secreção de citocinas (IL-4, IL-12, IL-10, e TNF-alfa) pelas células dendríticas dos animais infectados, assim como a influência destas células sobre a proliferação de linfócitos T. Será também analisado o fenótipo dos linfócitos dos animais infectados e o padrão de citocinas intracelulares Th1/Th2 presentes nestas células. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
TANSINI, A.; DE MEDEIROS, B. M. M. Susceptibility to Yersinia pseudotuberculosis Infection is Linked to the Pattern of Macrophage Activation. Scandinavian Journal of Immunology, v. 69, n. 4, p. 310-318, APR 2009. Citações Web of Science: 2.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.