Busca avançada
Ano de início
Entree

Análise toxicológica dos bioindicadores do etanol e do tabaco em mecônio de recém-nascidos procedentes do berçário do Hospital Universitário - USP

Processo: 07/00465-2
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de agosto de 2007 - 31 de julho de 2009
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Farmácia - Análise Toxicológica
Pesquisador responsável:Mauricio Yonamine
Beneficiário:Mauricio Yonamine
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Farmacêuticas (FCF). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Alcoolismo gestacional  Hábito de fumar  Marcador molecular  Ésteres  Mecônio  Recém-nascido 

Resumo

Álcool e tabaco são as duas principais drogas consumidas mundialmente e seu uso por mulheres em idade reprodutiva, em particular, têm representado uma grande preocupação por parte de especialistas e da sociedade em geral. Apesar dos efeitos adversos associados ao ato de fumar e ingerir bebidas alcoólicas durante a gestação serem bastante documentados e conhecidos sabe-se que uma parcela de mulheres grávidas tem dificuldades em abandonar o hábito. A exposição fetal aos constituintes do tabaco tem sido associada com aumento do risco de aborto espontâneo e nascimentos prematuros, incidência de neonatos com baixo peso, síndrome de morte súbita infantil e desordens cognitivas e neurocomportamentais. O consumo de álcool durante o início da gravidez pode levar a alterações do crescimento e da morfogênese do feto. Até mesmo um consumo moderado de álcool (30 a 60g por dia) pode produzir efeitos da chamada síndrome fetal pelo álcool (FAS), caracterizada por crianças com dificuldades comportamentais e de aprendizado. Entretanto, devido ao sentimento de culpa e medo de ações punitivas, mulheres raramente admitem terem utilizado álcool e tabaco durante a gestação. Como resultado, uma série de marcadores biológicos tem sido estudada para se diagnosticar a exposição fetal aos constituintes do tabaco e ao álcool. Dentre os marcadores utilizados estão os ésteres etílicos de ácidos graxos (para verificar a exposição ao etanol) e a nicotina e a cotinina (para verificar exposição aos constituintes do tabaco), que podem ser detectados em amostras de mecônio de neonatos. No presente projeto, métodos analíticos serão desenvolvidos visando a detecção desses marcadores em amostras de mecônio. Inicialmente, serão consideradas as técnicas mais recentes de preparação de amostras, como a microextração em fase sólida por headspace (HS-SMPE) e a extração acelerada por solvente (ASE). Os analitos serão identificados por cromatografia em fase-gasosa acoplada a espectrometria de massas (GC-MS). Após o desenvolvimento e validação dos métodos, as análises serão aplicadas em amostras de mecônio de neonatos com suspeita de exposição fetal ao álcool e aos constituintes do tabaco. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
SANT'ANNA, SIMONE GOMES; RODRIGUES OLIVEIRA, CAROLINA DIZIOLI; DE ALBUQUERQUE DINIZ, EDNA MARIA; YONAMINE, MAURICIO. Accelerated Solvent Extraction for Gas Chromatographic Analysis of Nicotine and Cotinine in Meconium Samples. JOURNAL OF ANALYTICAL TOXICOLOGY, v. 36, n. 1, p. 19-24, JAN-FEB 2012. Citações Web of Science: 5.
ROEHSIG, MARLI; LOUZADA DE PAULA, DANIELA MENDES; MOURA, SIDNEI; DE ALBUQUERQUE DINIZ, EDNA MARIA; YONAMINE, MAURICIO. Determination of eight fatty acid ethyl esters in meconium samples by headspace solid-phase microextraction and gas chromatography-mass spectrometry. JOURNAL OF SEPARATION SCIENCE, v. 33, n. 14, p. 2115-2122, JUL 2010. Citações Web of Science: 17.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.