Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo de diferentes manejos de pastagens em sistema de lotação rotacionada

Resumo

No Brasil a grande maioria dos bovinos é mantida em pastagens. O manejo intensivo das pastagens requer práticas de adubação e sistema de lotação rotacionada para tornar eficiente o aproveitamento da grande massa de forragem produzida, principalmente no verão. A irrigação de pastagem é outra prática utilizada para aumentar a produção de forragem e parece ser compensadora quando a temperatura e o fotoperíodo estão aumentados no início da primavera, quando as chuvas são escassas. Nos sistemas de lotação rotacionada era recomendado o uso de dias fixos de descanso que variam conforme a espécie forrageira. Estudos recentes mostram que a altura das pastagens quando a interceptação de luz é de 95% seria o momento ideal para início do uso da pastagem. O presente trabalho propõe comparar a produção de forragem em sistema de lotação rotacionada com dias fixos de descanso e com altura de entrada, assim como o impacto da irrigação, no manejo com altura de entrada e a produtividade dos sitemas. Serão realizados dois experimentos simultaneamente, sendo um na APTA em Ribeirão Preto, utilizando-se pastagem de capim-tanzânia (Panicum maximum cv. Tanzânia), submetidos a dois tratamentos, ou seja, lotação rotacionada com dias fixos para ocupação versus altura fixa para inicio da ocupação do piquete. Outro experimento será na APTA em Mococa, utilizando-se pastagens rotacionadas de capim-marandu (Brachiaria brizantha cv. Marandu). Os três tratamentos serão: lotação rotacionada com dias fixos de descanso, lotação rotacionada com altura fixa de entrada e lotação rotacionada com altura fixa de entrada e irrigado. Serão estudadas as seguintes variáveis: altura das pastagens, interceptação luminosa, massa de forragem pré-pastejo, massa de forragem pós-pastejo, proporção de folha, colmo, material morto, proteína bruta (PB), fibra em detergente neutro (FDN) e fibra em detergente ácido (FDA) da parte área da planta e das folhas. Também será estudado, no experimento com capim-marandu o impacto do custo da irrigação e seus benefícios. O desempenho animal e a produtividade, no capim tanzânia será avaliado através da produção leiteira e no capim-marandu, através do ganho de peso de novilhas. O trabalho será realizado durante um ano, coletando-se informações em todos os ciclos de pastejo deste período e as comparações também poderão ser feitas entre as estações do ano. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
PEREIRA LIMA, MARA LUCIA; SIMILI, FLAVIA FERNANDA; GIACOMINI, ALESSANDRA; ROMA-JUNIOR, LUIS CARLOS; RIBEIRO, ENILSON GERALDO; PARO DE PAZ, CLAUDIA CRISTINA. Rotational stocking management affects the structural and nutritional characteristics of Guinea grass swards and milk productivity by crossbred dairy cows. ANIMAL FEED SCIENCE AND TECHNOLOGY, v. 186, n. 3-4, p. 131-138, DEC 13 2013. Citações Web of Science: 0.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.