Busca avançada
Ano de início
Entree

Clonagem e caracterização molecular de isolados do baculovírus SfMNPV que não causam a degradação de larva infectada

Processo: 07/50209-2
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de maio de 2007 - 30 de abril de 2010
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Genética - Genética Molecular e de Microorganismos
Pesquisador responsável:José Luiz Caldas Wolff
Beneficiário:José Luiz Caldas Wolff
Instituição-sede: Centro de Ciências Biológicas e da Saúde (CCBS). Universidade Presbiteriana Mackenzie (UPM). Instituto Presbiteriano Mackenzie. São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Polimorfismo genético  Controle biológico 

Resumo

O baculovírus Spodoptera frugiperda nucleopoliedrovírus (SfMNPV) tem potencial de ser utilizado no controle da lagarta-do-cartucho, uma das mais importantes pragas da cultura do milho no Brasil. A infecção pelo SfMNPV geralmente resulta na liquefação da lagarta. Este processo compromete seriamente a eficiência da produção viral em larga escala, pois dificulta o manuseio e a purificação dos poliedros virais. Entretanto, isolados geográficos de SfMNPV que não degradam o tegumento larval foram recentemente identificados em larvas obtidas no Paraná e no Mato Grosso do Sul. A manutenção da integridade do tegumento da larva infectada é de grande interesse para a produção de um bioinseticida a base de SfMNPV pois pode aumentar a eficiência do processo de produção do vírus em larga escala Mas, para ser útil, o isolado que apresenta esta característica deve também ter boa capacidade infectiva. Neste projeto, propomos investigar dois aspectos dos isolados geográficos de SfMNPV que não causam a liquefação da larva. Na primeira etapa do projeto nosso objetivo é identificar o isolado com maior virulência e produzir clones do mesmo. Após esta seleção, pretendemos caracterizar os fatores genéticos responsáveis pela ausência de degradação. Para isto planejamos identificar regiões polimórficas entre o genoma do isolado não-degradante e do isolado SfMNPV-19, um isolado que causa a degradação do tegumento. Acreditamos que a seleção do isolado não-degradante com maior virulência irá contribuir para a superação de um dos entraves para a viabilização do uso do SfMNPV como agente de controle biológico. Além deste aspecto prático, o estudo destes isolados atípicos é uma oportunidade para aumentar nosso conhecimento a respeito desta família viral e de utilizar os dados obtidos pelo sequenciamento genômico do isolado 19 do SfMNPV, um trabalho que nosso grupo acaba de concluir. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
VIEIRA, CORINA M.; TUELHER, EDMAR S.; VALICENTE, FERNANDO H.; CALDAS WOLFF, JOSE LUIZ. Characterization of a Spodoptera frugiperda multiple nucleopolyhedrovirus isolate that does not liquefy the integument of infected larvae. Journal of Invertebrate Pathology, v. 111, n. 2, p. 189-192, OCT 2012. Citações Web of Science: 9.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.