Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação ambiental do sistema estuarino-lagunar de Cananéia/Iguape através da análise da dinâmica sedimentar e metais traçadores

Processo: 07/50560-1
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de junho de 2007 - 31 de maio de 2009
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Oceanografia - Oceanografia Geológica
Pesquisador responsável:Valdenir Veronese Furtado
Beneficiário:Valdenir Veronese Furtado
Instituição-sede: Instituto Oceanográfico (IO). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Metais  Dinâmica sedimentar 

Resumo

O presente projeto de pesquisa pretende evoluir os conhecimentos sobre a dinâmica atual no sistema estuarino-lagunar de Cananéia-Iguape, litoral sul do Estado de São Paulo. O foco será o entendimento do aporte sedimentar, da redistribuição do material particulado em suspensão (MPS) introduzido no sistema através do canal artificial do Valo Grande, localizado no setor norte e da aplicação de modelagem numérica nas proximidades das regiões sul e norte do sistema, comparando com resultados de modelagem vetorial de transporte de sedimento residual. Também serão aplicados modelos para dispersão de material em suspensão, metais pesados e para entender o comportamento de manchas de óleo dentro do sistema visando o combate de eventuais vazamentos em balsas de abastecimentos de combustíveis. As coletas durante os cruzeiros oceanográficos englobarão três tipos de investigações: realização de estações fixas no centro e norte do sistema, objetivando analisar o aporte e sua variação temporal durante um ciclo completo de maré; amostras de MPS durante as vazantes, em pontos selecionados em todo o sistema, para determinação dos teores de metais e estabelecimento de cenários de redistribuição deste material; coletas de sedimentos de superfície de fundo, para determinação dos teores de metais contidos, procurando corroborar os cenários de circulação de MPS estabelecidos, e definir os pontos em que podem ser origem de possíveis impactos ambientais. Numa análise científica e aplicada, trabalhos com os focos abordados neste projeto são escassos e nesta região são inéditos. (AU)