Busca avançada
Ano de início
Entree

Exigências nutricionais e eficiência alimentar de bovinos na pós-desmama provenientes de dois sistemas de produção

Processo: 07/52028-5
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de agosto de 2007 - 31 de janeiro de 2010
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Zootecnia - Nutrição e Alimentação Animal
Pesquisador responsável:Dante Pazzanese Duarte Lanna
Beneficiário:Dante Pazzanese Duarte Lanna
Instituição-sede: Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (ESALQ). Universidade de São Paulo (USP). Piracicaba , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):08/06624-8 - Exigências nutricionais e eficiência alimentar de bovinos na pós-desmama provenientes de dois sistemas de produção, BP.TT
Assunto(s):Composição corporal  Confinamento  Pastagens  Deutério 

Resumo

A eficiência alimentar é uma das variáveis mais importantes na bovinocultura de corte, já que a alimentação representa dois terços do custo de produção. Há variação genética para eficiência alimentar, mas o conhecimento do verdadeiro potencial de se alterar esta eficiência para obter benefícios econômicos e ambientais é incompleto. O objetivo deste projeto é estimar as exigências nutricionais e a eficiência alimentar, bem como suas correlações genéticas, em bezerros provenientes de dois sistemas de produção. Este é um projeto integrado e as informações serão obtidas em animais para os quais dados foram coletados, inclusive de suas mães, durante a pré-desmama. Os animais e suas progenitoras já terão sido avaliados em ensaio de longa duração onde a eficiência do nascimento até a desmama, entre outras variáveis, foi obtida. Na proposta 35 progênies (20 ½ Red Angus Caracu ¼ Nelore e 15 ½ Angus x Nelore) avaliadas durante o período do nascimento até a desmama, em confinamento e a pasto, serão avaliadas após a desmama em confinamento. Durante o confinamento os animais receberão dieta com alta proporção de grãos durante 6 meses e serão abatidos. Nesse período, os animais serão avaliados individualmente quanto à ingestão energética, à taxa de ganho, dados de ultrasonografia, composição do ganho, às exigências nutricionais e à eficiência alimentar e energética. Ao final, serão abatidos e terão suas carcaças avaliadas para qualidade e rendimento de carne. Os resultados são inéditos, pois, pela primeira vez, será avaliado todo o consumo de alimentos necessário para um bovino ser produzido do nascimento até o abate, incluindo aqui o consumo da sua mãe. As variáveis em confinamento serão correlacionadas com as obtidas na pré-desmama, permitindo a modelagem completa do sistema. O presente projeto produzirá informações fundamentais para a simulação matemática de sistemas de produção. (AU)