Busca avançada
Ano de início
Entree

Implantação e aperfeiçoamento da técnica de propagação estável de trinca pelo método da cunha (wedge splitting) no DEMAR/ EEL/ USP, para medida de energia de fratura em concretos

Processo: 07/55964-3
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de novembro de 2007 - 30 de abril de 2010
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia de Materiais e Metalúrgica - Materiais Não-metálicos
Pesquisador responsável:Sebastião Ribeiro
Beneficiário:Sebastião Ribeiro
Instituição-sede: Escola de Engenharia de Lorena (EEL). Universidade de São Paulo (USP). Lorena , SP, Brasil
Assunto(s):Materiais cerâmicos  Mecânica da fratura  Concreto refratário  Trincamento  Método da cunha 

Resumo

O principal objetivo deste projeto é implantar e aprimorar o método da cunha para propagação estável de trinca visando estudar o comportamento à fratura de materiais cerâmicos, principalmente os concretos para construção civil e refratários, no Departamento de Engenharia de Materiais, DEMAR, da Escola de Engenharia de Lorena, EEL, da Universidade de São Paulo, USP. Sendo assim, fica integralmente cumprida a proposta do projeto de pós-doutorado do proponente realizado junto ao Grupo de Engenharia de Microestrutura de Materiais, GEMM, do Departamento de Engenharia de Materiais, DEMa, da Universidade Federal de São Carlos, UFSCar, no período de 01/06/06 a 30/06/07, processo CNPq 150038/2006-2, em que visava implantar esse método no GEMM e posteriormente em outras instituições de ensino e pesquisas e empresas produtoras e consumidoras de refratários cerâmicos. Para realização desta proposta será reavaliado o projeto executado na Instituição acima citada, com algumas correções nos dispositivos e molde para produção dos corpos de prova. Para realização das atividades experimentais serão usados inicialmente concretos comuns (cimento, areia, brita ou seixos e água) e depois, dois concretos refratários comerciais com agregados de diferentes faixas de tamanhos, a exemplo dos que foram usados no projeto de pós-doutorado. Com os resultados de energia de fratura, módulo elástico, módulo de ruptura e coeficiente de expansão térmica, para os concretos refratários, serão calculados os parâmetros de resistência ao dano por choque térmico, R'''', e de estabilidade da trinca sob choque térmico, Rst. Esses resultados serão correlacionados com os experimentais de degradação por choque térmico medidos pelos módulos de elasticidade e de ruptura retidos, após choque térmico de barras prismáticas. Com isso, espera-se responder várias questões críticas existentes atualmente na literatura a respeito da avaliação de materiais refratários quanto à sua resistência ao dano por choque térmico. A técnica para determinar a energia de fratura pelo método da cunha foi implantada pelo proponente e supervisionada pelo Prof. Dr. José de Anchieta Rodrigues, e já está operacional no GEMM. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
RIBEIRO, G. C.; RESENDE, W. S.; RODRIGUES, J. A.; RIBEIRO, S. Thermal shock resistance of a refractory castable containing andalusite aggregate. CERAMICS INTERNATIONAL, v. 42, n. 16, p. 19167-19171, DEC 2016. Citações Web of Science: 11.
G. C. R. GARCIA; E. M. B. SANTOS; S. RIBEIRO. Efeito do tempo de cura na rigidez de argamassas produzidas com cimento Portland. Cerâmica, v. 57, n. 341, p. 94-99, Mar. 2011.
RIBEIRO, SEBASTIAO; RIBEIRO, DIEGO DE CAMPOS; DE SOUZA DIAS, MATEUS BOTANI; RIBEIRO GARCIA, GISELI CRISTINA; BENTO DOS SANTOS, ESOLY MADELEINE. Study of the Fracture Behavior of Mortar and Concretes with Crushed Rock or Pebble Aggregates. MATERIALS RESEARCH-IBERO-AMERICAN JOURNAL OF MATERIALS, v. 14, n. 1, p. 46-52, JAN-MAR 2011. Citações Web of Science: 5.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.