Busca avançada
Ano de início
Entree

Preparação e caracterização de superfícies bifuncionais nano-estruturadas de Au-Pt e aplicação em biossensores para pesticidas

Processo: 10/03813-4
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de agosto de 2010 - 31 de julho de 2012
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Analítica
Pesquisador responsável:Sergio Antonio Spinola Machado
Beneficiário:Sergio Antonio Spinola Machado
Instituição-sede: Instituto de Química de São Carlos (IQSC). Universidade de São Paulo (USP). São Carlos , SP, Brasil
Pesq. associados:Ivana Cesarino ; Lívia Flório Sgobbi
Assunto(s):Materiais nanoestruturados  Nanopartículas  Agrotóxicos  Técnicas biossensoriais  Acetilcolinesterase 

Resumo

Este projeto se propõe desenvolver e caracterizar superfícies bifuncionais, compostas de nanopartículas de ouro eletrodepositadas sobre platina e recobertas com camadas auto-organizadas de alcanotióis, para a confecção de um biossensor amperométrico, baseado na inibição da enzima acetilcolinesterase, para a determinação de pesticidas em alimentos. A superfície do eletrodo de platina policristalina será inicialmente modificada pela eletrodeposição de nanocristais de Au, eletrodepositados a partir de um eletrólito contendo tetracloroaurato por voltametria de varredura linear. Estas superfícies modificadas serão caracterizadas por técnicas eletroquímicas (voltametria cíclica, espectroscopia de impedância eletroquímica) e por técnicas de microscopia de força atômica para a determinação do tamanho e da distribuição das nanopartículas de ouro sobre a superfície, assim como a área exposta de platina. Numa segunda etapa, as nanopartículas de ouro serão recobertas com camadas auto-organizadas de alcanotiól (cistamina) visando a preparação da superfície para a imobilização da enzima. Este recobrimento será analisado por técnicas eletroquímicas (voltametria cíclica e espectroscopia de impedância eletroquímica) assim como por microscopia de força atômica. Finalmente, sobre a camada auto-organizada de cistamina será imobilizada a enzima acetilcolinesterase para a confecção do biossensor. O produto da reação enzimática, a tiocolina será determinada na superfície de platina, com o objetivo de se utilizar as propriedades catalíticas desta superfície para melhorar a sensibilidade do biosensor. Este biossensor será aplicado na determinação de pesticidas da classe dos carbamatos (carbaril, metomil, etc.) em alimentos como tomates, couve, morangos, etc., in natura ou contaminados artificialmente. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
COELHO, DYOVANI; MACHADO, SERGIO A. S. New contribution in the study of phase formation in mixed alkanethiol self-assembled monolayers: a powerful tool for transducers design. Electrochimica Acta, v. 142, p. 191-201, OCT 1 2014. Citações Web of Science: 6.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.