Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação do consumo alimentar e do estado nutricional em portadores da doença de Crohn

Processo: 10/04069-7
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de agosto de 2010 - 31 de julho de 2012
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Nutrição - Análise Nutricional de População
Pesquisador responsável:Aytan Miranda Sipahi
Beneficiário:Aytan Miranda Sipahi
Instituição-sede: Faculdade de Medicina (FM). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Gastroenterologia  Estado nutricional  Consumo de alimentos  Doença de Crohn 

Resumo

A doença de Crohn (DC) é uma doença inflamatória intestinal (DII) que pode acometer qualquer porção do trato gastrointestinal, embora localize-se principalmente no intestino delgado e cólon. Os sintomas predominantes são diarréia, dor abdominal e febre, sendo a diarréia o sintoma mais comum. A perda de peso e a desnutrição são os distúrbios nutricionais mais prevalentes da DII, como resultado de muitos fatores, como: diminuição da ingestão; má absorção; aumento das perdas intestinais e aumento da demanda energética. São também encontradas deficiências de micronutrientes, já que pacientes com DC em remissão costumam ter adequada ingestão energética e freqüentes deficiências de variados micronutrientes. Algumas drogas usadas no tratamento da DII contribuem para a má absorção seletiva de nutrientes, como a sulfassalazina e os corticosteróides, interferindo no metabolismo do folato e do cálcio, respectivamente. O objetivo desse trabalho é avaliar o consumo alimentar (CA) e o estado nutricional (EN) de portadores de DC acompanhados em ambulatório. O EN será avaliado através de parâmetros antropométricos e bioquímicos e o CA por inquérito alimentar de 3 dias. A análise dietética será realizada através do programa de DIETPRO v.5i. e a adequação da ingestão avaliada de acordo com referências nacionais e internacionais. Será realizada comparação de médias entre grupos para sexo, grau de atividade da doença, realização de cirurgia prévia no intestino, localização da doença, tratamento farmacológico e estado nutricional. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio: