Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudos experimentais de acresção e diferenciação planetária

Processo: 10/05512-1
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Apoio a Jovens Pesquisadores
Vigência: 01 de setembro de 2010 - 30 de novembro de 2013
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Geociências
Pesquisador responsável:Guilherme Mallmann
Beneficiário:Guilherme Mallmann
Instituição-sede: Instituto de Geociências (IGC). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):10/15341-0 - Estudos de acresção e diferenciação planetária, BP.JP
Assunto(s):Petrologia  Geoquímica  Planetas 

Resumo

O termo siderófilo foi introduzido por Victor M. Goldschmidt para descrever aqueles elementos que ocorrem nas fases metálicas de meteoritos e, por inferência, nos núcleos metálicos dos planetas. A propriedade fundamental que define esses elementos, que é a sua preferência por ligar-se a fases metálicas, ao invés de fases silicáticas, oferece uma oportunidade única para estudar processos de acresção e diferenciação planetária. Por exemplo, as abundâncias relativas de elementos siderófilos podem ser usadas para identificar os componentes fundamentais que formaram os planetas rochosos, traçar os processos de diferenciação entre manto e núcleo e as interações químicas entre estes reservatórios, bem como as histórias tardias de acresção de corpos planetários diversos como a Terra, Lua e Marte. Apesar de sua importância, muito pouco sabe-se sobre as propriedades geoquímicas dos elementos siderófilos sob condições de alta pressão e temperatura relevantes para formação planetária. Consequentemente, a interpretação de uma quantidade enorme de dados analíticos adquiridos por geoquímicos durante as últimas décadas continua discutível. Isso acontece, particularmente, no caso dos elementos altamente siderófilos, EAS (Ru, Rh, Pd, Os, Ir, Pt, Au e Re). Esta proposta busca suporte para investigar experimentalmente o comportamento geoquímico dos EAS, principalmente no que se refere ao efeito das variáveis de estado temperatura, pressão e fugacidade de oxigênio na partição destes elementos entre fases metálicas, minerais e líquidos silicáticos. Como benefício adicional, o primeiro laboratório dedicado exclusivamente a estudos de petrologia e geoquímica experimental será instalado no Brasil, abrindo inúmeras possibilidades de pesquisa futura na área experimental no país e elevando a petrologia e geoquímica brasileira a um patamar de destaque internacional. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas (7)
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
FARIAS VLACH, SILVIO ROBERTO; SALAZAR-NARANJO, ANDRES FABIAN; TORRES-CORREDOR, JOHAN SANTIAGO; DE CARVALHO, PAULO RAFAEL; MALLMANN, GUILHERME. Calibration of high-temperature furnace assemblies for experiments between 200 and 600 MPa with end-loaded piston-cylinder apparatuses. BRAZILIAN JOURNAL OF GEOLOGY, v. 49, n. 1 2019. Citações Web of Science: 0.
MALLMANN, GUILHERME; FONSECA, RAUL O. C.; SILVA, ADOLFO B. An experimental study of the partitioning of trace elements between rutile and silicate melt as a function of oxygen fugacity. Anais da Academia Brasileira de Ciências, v. 86, n. 4, p. 1609-1629, DEC 2014. Citações Web of Science: 4.
FONSECA, RAUL O. C.; MALLMANN, GUILHERME; SPRUNG, PETER; SOMMER, JOHANNA E.; HEUSER, ALEXANDER; SPEELMANNS, IRIS M.; BLANCHARD, HENRIK. Redox controls on tungsten and uranium crystal/silicate melt partitioning and implications for the U/W and Th/W ratio of the lunar mantle. Earth and Planetary Science Letters, v. 404, p. 1-13, OCT 15 2014. Citações Web of Science: 16.
AVILA, JANAINA N.; IRELAND, TREVOR R.; GYNGARD, FRANK; ZINNER, ERNST; MALLMANN, GUILHERME; LUGARO, MARIA; HOLDEN, PETER; AMARI, SACHIKO. Ba isotopic compositions in stardust SiC grains from the Murchison meteorite: Insights into the stellar origins of large SiC grains. GEOCHIMICA ET COSMOCHIMICA ACTA, v. 120, p. 628-647, NOV 1 2013. Citações Web of Science: 12.
MALLMANN, GUILHERME; O'NEILL, HUGH ST C. Calibration of an Empirical Thermometer and Oxybarometer based on the Partitioning of Sc, Y and V between Olivine and Silicate Melt. JOURNAL OF PETROLOGY, v. 54, n. 5, p. 933-949, MAY 2013. Citações Web of Science: 38.
FONSECA, RAUL O. C.; LAURENZ, VERA; MALLMANN, GUILHERME; LUGUET, AMBRE; HOEHNE, NADINE; JOCHUM, KLAUS PETER. New constraints on the genesis and long-term stability of Os-rich alloys in the Earth's mantle. GEOCHIMICA ET COSMOCHIMICA ACTA, v. 87, p. 227-242, JUN 15 2012. Citações Web of Science: 66.
FONSECA, RAUL O. C.; MALLMANN, GUILHERME; O'NEILL, HUGH ST C.; CAMPBELL, IAN H.; LAURENZ, VERA. Solubility of Os and Ir in sulfide melt: Implications for Re/Os fractionation during mantle melting. Earth and Planetary Science Letters, v. 311, n. 3-4, p. 339-350, NOV 15 2011. Citações Web of Science: 46.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.