Busca avançada
Ano de início
Entree

Células tronco humanas submetidas a diferenciação em células neuronais, marcadas com nanoparticulas super paramagnéticas e avaliadas em modelo experimental de isquemia cerebral global

Resumo

Embora a UNICAMP tenha grande experiência na utilização de células tronco hematopoéticas em transplante de medula óssea, e ainda possua centro de crisopreservação de células hematopoéticas obtidas de medula óssea e sangue de cordão, não há pesquisadores neste centro envolvidos com a investigação do potencial de diferenciação de células tronco (CT) para outras linhagens celulares. O desenvolvimento desta área em nosso centro se faz urgente neste momento, pois a terapia por CT é uma promessa de cura para muitas doenças, entretanto, existem vários pontos obscuros relacionados a esta terapia e a sua aplicação clínica. Dentre as diversas linhagens de células tronco hematopoéticas (HSC), a subpopulação de fenótipo HSC CD34+133+ apresenta marcante característica de expressão, marcadores neuronais, quando submetida a meios condicionados ou pré-tratados com ácido retinoico. Assim, os objetivos do presente projeto são: 1- Obter CT de sangue de cordão umbilical e aspirado de medula óssea. Isolar a linhagem HSC CD34+133+ e diferenciá-las in vitro em células neuronais; 2- incubar HSC CD34+133+ com nanopartículas superparamagnéticas (agentes de contraste negativo) e definir eficiência de marcação, citotoxicidade apoptose e produção de radicais livres; 3- administraras CT marcadas em modelo experimental de isquemia cerebral total e transitória e, 4- seguir o destino das CT no animal através de microscopia óptica e eletrônica. (AU)