Busca avançada
Ano de início
Entree

Caracterização molecular de rotavírus em bezerros de rebanhos leiteiros e de corte nascidos de vacas vacinadas contra rotavírus

Processo: 09/52288-2
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de setembro de 2009 - 31 de agosto de 2010
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Medicina Veterinária - Medicina Veterinária Preventiva
Pesquisador responsável:Maria da Glória Buzinaro
Beneficiário:Maria da Glória Buzinaro
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias (FCAV). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Jaboticabal. Jaboticabal , SP, Brasil
Assunto(s):Rotavirus animal  Diarreia  Bezerros  Técnicas de genotipagem 

Resumo

As enterites dos bezerros são consideradas uma das doenças mais importantes que afetam os rebanhos de leite e corte, causando grandes perdas econômicas em virtude da morbidade, mortalidade, custos com tratamento e atraso no crescimento. Entre os agentes etiológicos envolvidos nessa síndrome o rotavírus merece destaque, sendo responsáveis por 60% dos casos de diarréia aguda dos bezerros. No Brasil, os estudos confirmam a participação do rotavírus na etiologia da diarréia neonatal, o que evidencia a necessidade de se conhecer melhor as características desse agente principalmente àquelas relacionadas a epidemiologia e imunoprofilaxia. Atualmente informações sobre a genotipagem são imprescindíveis para estabelecer mecanismos de vigilância epidemiológica e de controle da infecção por rotavírus. Por outro lado, enquanto há vários estudos sobre a genotipagem de rotavírus do grupo A poucos são os trabalhos que diferenciam os genótipos encontrados em bezerros de rebanhos vacinados e não vacinados. Nesse sentido, o presente trabalho tem como objetivos determinar a ocorrência de rotavírus em rebanhos bovinos leiteiros e de corte, bem como analisar o perfil eletroforético do genoma dos rotavírus identificados, e realizar a caracterização dos genótipos G e P de rotavírus pela RT-PCR, verificando a presença de infecções singulares, mistas e recombinações em amostras de fezes de bezerros nascidos de vacas vacinadas com vacina comercial contendo os genótipos G6P[1] e G10P[5], e de bezerros de rebanhos não vacinados. (AU)