Busca avançada
Ano de início
Entree

Adição de projetores laser de padrão a unidade móvel de mapeamento digital para construir modelos digitais do pavimento de ruas e rodovias

Processo: 08/50429-5
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de junho de 2008 - 31 de maio de 2011
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Geociências - Geodésia
Pesquisador responsável:João Fernando Custódio da Silva
Beneficiário:João Fernando Custódio da Silva
Instituição-sede: Faculdade de Ciências e Tecnologia (FCT). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Presidente Prudente. Presidente Prudente , SP, Brasil
Assunto(s):Mapeamento móvel 

Resumo

Ruas e rodovias são importantes para a locomoção de veículos automotores que transportam bens, mercadorias e pessoas. Os responsáveis por isto precisam de informações rápidas e atualizadas para planejar a necessária intervenção, de modo a preservar a qualidade das pistas de rolamento. A Unidade Móvel de Mapeamento Digital (UMMD) é um sistema composto de um veículo automotor equipado com duas vídeo-câmeras digitais, um receptor GPS (Global Positioning System) e dispositivos de controle. A UMMD trafega por ruas e rodovias captando imagens georreferenciadas. Mediante a adição de projetores laser de padrão à UMMD, as imagens podem ser processadas e analisadas com o propósito de gerar o modelo digital do pavimento (MDP), cuja solução computacional será implementada neste projeto. Tal modelo digital é um produto fotogramétrico que auxilia no processo de tomada de decisão no que tange às necessidades de manutenção das vias de locomoção. A técnica planejada é a de projetar o padrão de raios laser no arruamento, de modo que as vídeo-câmeras capturem as imagens com as marcas do padrão. As imagens serão processadas e analisadas no Laboratório de Mapeamento Móvel (LaMMov) para estabelecer a correspondência. Com os pontos homólogos em um estéreo par de imagens e o conhecimento da posição das vídeo-câmeras, dada pelo GPS, a determinação das coordenadas dos pontos na superfície do pavimento será feita por fototriangulação com autocalibração fotovariante. Estes pontos determinados formarão a base a ser adensada por uma malha regular de pontos interpolados pelo método thin plate spline, que acompanhará o sentido longitudinal da pista de rolamento. Assim, as irregularidades na condição de qualidade da pista serão detectadas, quantificadas e georreferenciadas. Os programas computacionais que compõem o sistema logicial já foram implementados e testados no LaMMov, como a fototriangulação, a intersecção fotogramétrica, a orientação de pares de imagens e a interpolação para o modelo digital do terreno. Faz-se necessária apenas a aquisição do projetor laser de padrão e a elaboração do software de detecção de correspondência automática, específico para esta aplicação. (AU)