Busca avançada
Ano de início
Entree

O efeito das técnicas de lubri-refrigeração na usinagem de ligas não ferrosas por torneamento

Resumo

Uma das maneiras de se minimizar os efeitos dos tempos improdutivos causados pelos desgastes das ferramentas, pode ser alcançada pela introdução, no processo, de sistemas de lubrificação e refrigeração eficientes. Porém, na última década as pesquisas tiveram como meta restringir ao máximo o uso de fluidos refrigerantes e/ou lubrificantes na produção metal-mecânica. Os fatores importantes que justificam esse procedimento incluem os custos operacionais da produção, questões ecológicas, as exigências legais de conservação do meio ambiente e a preservação da saúde do ser humano. O objetivo do trabalho proposto é o estudo da usinagem por torneamento com o enfoque na influência causada pela aplicação de diferentes tipos de fluido de corte (de base mineral e vegetal) e por diversas formas de aplicação (abundante e MQF) e também através da comparação com os resultados obtidos na usinagem sem a presença de fluido. Para tanto, os ensaios de torneamento serão realizados utilizando uma liga de alumínio (AA 7075) e uma liga de níquel (Pyromet A31), ou seja, uma liga de alta e outra de baixa usinabilidade. As variáveis de resposta a serem analisadas seriam as rugosidades obtidas (Ra e Ry), os desgastes apresentados (VB) e suas respectivas progressões em relação ao tempo ou ao comprimento de corte alcançado; a morfologia (microscopia) e o grau de deformação (microdureza) dos cavacos formados, além das variações nos esforços de corte via monitoramento apresentadas durante a usinagem. Os resultados deste trabalho devem oferecer informações mais detalhadas sobre a real influência dos fluidos de corte no torneamento dessas ligas, que se caracterizam pela alta taxa de desgaste imposta às ferramentas (níquel) e altas taxas de deformação quando da formação do cavaco (alumínio) prejudicando a sua usinagem e também a qualidade da superfície gerada. Assim sendo, se espera apresentar subsídios para se promover a otimização da usinagem destas ligas tirando o máximo proveito do papel do fluido de corte. (AU)