Busca avançada
Ano de início
Entree

Contribuição do contraste negativo na artrografia tomográfica do joelho normal de cães

Processo: 07/59502-4
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de abril de 2008 - 31 de março de 2010
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Medicina Veterinária - Clínica e Cirurgia Animal
Pesquisador responsável:Maria Jaqueline Mamprim de Arruda Monteiro
Beneficiário:Maria Jaqueline Mamprim de Arruda Monteiro
Instituição-sede: Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia (FMVZ). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu , SP, Brasil
Assunto(s):Tomografia  Cães  Ultrassonografia  Contraste  Joelho  Artrografia 

Resumo

Os distúrbios da articulação do joelho são causas freqüentes de claudicação do membro pélvico, e dentre essas, a ruptura do ligamento cruzado cranial tem sido reconhecida como principal desde 1926. Para o diagnóstico dessas alterações há necessidade de exames complementares, principalmente os de imagem. Na rotina ortopédica dos cães realizamos normalmente os exames radiográficos e ultra-sonográficos para diagnóstico das alterações da articulação do joelho. Com relação ao exame radiográfico podemos salientar que ele identifica alterações do espaço articular, osteófitos, entesófitos e alterações do osso subcondral. As alterações de tecidos moles, tais como a observação da ruptura dos ligamentos cruzado cranial, aumento do líquido sinovial, meniscos ficam mais restritas ao exame ultra-sonográfico. Sabemos que em humanos, a ressonância magnética é o exame de eleição para as alterações do joelho, principalmente por identificar melhor as partes moles. Como não há disponibilidade desse exame em todos os lugares e principalmente na medicina veterinária, há vários estudos visando estabelecer a tomografia computadorizada (TC) como uma alternativa na avaliação do joelho. Diante da necessidade de se utilizar o exame tomográfico para obtermos um número maior de diagnósticos das alterações ortopédicas do joelho de cães, o presente trabalho tem por objetivo avaliar a contribuição do uso do contraste negativo na artrografia tomográfica do joelho normal de cães, para visibilizar as estruturas intra-articulares, tais como o ligamento cruzado cranial, caudal e patelar, meniscos, coxim gorduroso e fazer o comparativo com os exames radiográficos e ultra-sonográficos além de padronizar o uso desse contraste na articulação do joelho. Projeto considerado original diante da literatura pesquisada. (AU)