Busca avançada
Ano de início
Entree

Caracterização fenotípica, genotípica e de fatores de virulência em linhagens do gênero Nocardia isoladas de mastite bovina, afecções em animais de companhia e de pacientes humanos, com e sem imunossupressão, acometidos de nocardiose

Processo: 09/53494-5
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de julho de 2010 - 30 de junho de 2012
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Medicina Veterinária - Medicina Veterinária Preventiva
Pesquisador responsável:Marcio Garcia Ribeiro
Beneficiário:Marcio Garcia Ribeiro
Instituição-sede: Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia (FMVZ). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu , SP, Brasil
Assunto(s):Mastite animal  Fatores de virulência  Nocardia  Nocardiose 

Resumo

Os actinomicetos aeróbicos compõem grupo complexo de bactérias. Rhodococcus, Nocardia e Corynebacterium são os gêneros mais patogênicos para os animais e humanos. A nocardiose é caracterizada por lesões piogranulomatosas, de evolução crônica. O gênero Nocardia compreende microrganismos ubíquos, encontrados no solo, plantas e água. Nos últimos anos, a nocardiose tem sido considerada em todo o mundo como doença emergente para humanos e animais. Manifestações clínicas atípicas do microrganismo, ou mesmo a similaridade microbiológica ou clínica com outros actinomicetos, tem resultado provavelmente no sub-diagnóstico da doença. A patogenicidade do gênero Nocardia é atribuída à localização intracelular do organismo nos fagócitos, a indução de reações piogranulomatosas, resistência aos antimicrobianos, e ao comportamento oportunista do agente, exacerbado em pacientes imunossuprimidos. Dentre as espécies patogênicas e de maior freqüência de infecção em humanos e animais merecem destaque: Nocardia asteroides tipo I, II, III, IV, V e VI, Nocardia brasiliensis, Nocardia pseudobrasiliensis, Nocardia transvalensis e Nocardia otitidiscaviarum. Com efeito, o presente estudo pretende avaliar as principais características fenotípicas, genotípicas e fatores de virulência em linhagens do gênero Nocardia isoladas de casos de mastite bovina, de diferentes afecções em animais de companhia e de pacientes humanos, com e sem imunossupressão, acometidos por nocardiose. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
DE FARIAS, MARCONI RODRIGUES; WERNER, JULIANA; RIBEIRO, MARCIO GARCIA; RODIGHERI, SABRINA MARIN; CAVALCANTE, CAROLINA ZAGHI; CHI, KUNG DARH; ZENI CONDAS, LARISSA ANUSKA; GONOI, TOHRU; MATSUZAMA, TETSUHIRO; YAZAMA, KATSUKIYO. Uncommon mandibular osteomyelitis in a cat caused by Nocardia africana. BMC Veterinary Research, v. 8, DEC 6 2012. Citações Web of Science: 3.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.