Busca avançada
Ano de início
Entree

Rede de prevenção de acidentes de trabalho - REPAT: a influência organizacional na ocorrência de acidentes de trabalho com exposição a material biológico em trabalhadores de enfermagem

Resumo

A Rede de Prevenção de Acidentes de Trabalho - REPAT evidenciou em suas pesquisas que aspectos como violência ocupacional, fatores psicossociais, ergonômicos, organizacionais, atividades e ambiente de trabalho e o comportamento de trabalhadores e supervisores relacionam-se à ocorrência dos acidentes com exposição a material biológico. O projeto ora apresentado é composto por dois estudos. Um estudo exploratório, Ex-post-facto, que tem por objetivo analisar a ocorrência e as características dos acidentes de trabalho com exposição a materiais biológicos entre trabalhadores de enfermagem de um hospital universitário e analisar as condutas pós-exposição tomadas e compará-las às preconizadas pelo Ministério da Saúde. Os acidentes com exposição a material biológico entre trabalhadores de enfermagem, ocorridos entre 2003-2009 e cujos registros foram realizados na REPAT será a população de estudo. O segundo estudo, estruturado no referencial teórico de Hofstede, tem por o objetivo identificar a influência da cultura organizacional sobre a ocorrência destes acidentes. A população será de 3.200 trabalhadores de enfermagem e os dados serão coletados pela aplicação do Instrumento Brasileiro para Avaliação da Cultura Organizacional - IBACO. Os sujeitos serão divididos em: grupo 1- trabalhadores vítimas de acidentes (caso) e grupo 2-trabalhadores que nunca sofreram acidente com exposição a material biológico (controle). Os dados serão comparados e analisados por meio de análise descritiva. Espera-se que os resultados dos estudos tragam avanços ao conhecimento científico e subsídios às práticas de trabalho no hospital. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)