Busca avançada
Ano de início
Entree

Transesterificação química e enzimática em miscela etanólica de óleo de soja

Processo: 08/58334-3
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de novembro de 2009 - 31 de outubro de 2011
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Engenharia Agrícola - Engenharia de Processamento de Produtos Agrícolas
Pesquisador responsável:Marisa Aparecida Bismara Regitano d'Arce
Beneficiário:Marisa Aparecida Bismara Regitano d'Arce
Instituição-sede: Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (ESALQ). Universidade de São Paulo (USP). Piracicaba , SP, Brasil
Assunto(s):Biodiesel  Catalisadores  Enzimas  Óleo de soja 

Resumo

Este projeto visa dar continuidade a uma linha de pesquisa do Laboratório de Óleos e Gorduras do Depto. Agroindústria, Alimentos e Nutrição da ESALQ sobre a extração de óleo de grãos com etanol como um solvente alternativo ao hexano. Com o auxílio pesquisa FAPESP 04/15164-0 viabilizou-se a obtenção do óleo de soja em extrator de bancada e piloto. Desse processo foram obtidas miscelas ricas em óleo e a produção de ésteres etílicos foi conduzida por transesterificação direta, gerando pedido de patente depositado no INPI. A substituição do hexano, derivado de petróleo, pelo etanol no processo de extração de óleo vegetal se reveste de grande importância por aportar impactos positivos de ordem ambiental e econômica ainda pouco explorados e é plenamente justificável em um país como o Brasil, em que a produção de etanol já é consagrada e reconhecida mundialmente. Das miscelas (mistura de óleo e etanol) parte-se diretamente para a transesterificação. Neste projeto, propõe-se a transesterificação por catálise homogênea (processo já avaliado) e catálise enzimática, que tem atraído muita atenção, por resultar em ésteres de alta pureza e fácil separação do glicerol. O objetivo é comprovar a viabilidade da produção de biodiesel a partir da transesterificação da miscela óleo: etanol, sem necessidade de refino do óleo, e avaliar o rendimento em ésteres etílicos aplicando enzimas imobilizadas Novozyme 435 e catalisador básico homogêneo. Será adotado o planejamento experimental e a metodologia de análise de superfícies de resposta para a seleção das melhores condições de processo, tendo como respostas o rendimento e a qualidade do biodiesel. Estudos nas condições definidas serão realizados, utilizando a via enzimática e química. O biodiesel produzido será caracterizado conforme recomendação da Agência Nacional de Petróleo. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
SANGALETTI-GERHARD, NAIANE; ROMANELLI, THIAGO LIBORIO; FERREIRA DE SOUZA VIEIRA, THAIS MARIA; NAVIA, RODRIGO; BISMARA REGITANO-D'ARCE, MARISA APARECIDA. Energy flow in the soybean biodiesel production chain using ethanol as solvent extraction of oil from soybeans. BIOMASS & BIOENERGY, v. 66, p. 39-48, JUL 2014. Citações Web of Science: 5.
SANGALETTI-GERHARD, NAIANE; FERREIRA DE SOUZA VIEIRA, THAIS MARIA; GROPPO, SAMUEL SCHIEVANO; RODRIGUES, JOSEANNE RODELLA; BISMARA REGITANO-D'ARCE, MARISA APARECIDA. Alkaline-catalyzed ethanolysis of soybean oil ethanolic miscella. FUEL, v. 116, p. 415-420, JAN 2014. Citações Web of Science: 3.
SANGALETTI, NAIANE; CEA, MARA; BISMARA REGITANO-D'ARCE, MARISA APARECIDA; FERREIRA DE SOUZA VIEIRA, THAIS MARIA; NAVIA, RODRIGO. Enzymatic transesterification of soybean ethanolic miscella for biodiesel production. JOURNAL OF CHEMICAL TECHNOLOGY AND BIOTECHNOLOGY, v. 88, n. 11, p. 2098-2106, NOV 2013. Citações Web of Science: 8.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.