Busca avançada
Ano de início
Entree

Associação dos polimorfismos dos FcgamaR e do CR3 com as infecções bacterianas no lúpus eritematoso sistêmico: determinação das combinações dos genótipos e sua influência nas funções mediadas por neutrófilos

Processo: 09/14732-8
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de fevereiro de 2010 - 31 de janeiro de 2012
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Imunologia - Imunologia Celular
Pesquisador responsável:Cleni Mara Marzocchi Machado
Beneficiário:Cleni Mara Marzocchi Machado
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Farmacêuticas de Ribeirão Preto (FCFRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Assunto(s):Neutrófilos  Receptores de IgG  Lúpus eritematoso sistêmico  Polimorfismo genético 

Resumo

As infecções representam 20-55% das mortes em pacientes com lúpus eritematoso sistêmico (LES), sendo 80% delas causadas por bactérias. O LES é uma doença autoimune e a suscetibilidade às infecções está associada as suas anormalidades imunológicas e a sua terapia imunossupressora e citotóxica. Dentre as alterações que predispõem às infecções no LES estão anormalidades moleculares e funcionais dos neutrófilos: "clearance" e fagocitose ineficientes de imunocomplexos e bactérias, neutropenia, defeitos na quimiotaxia, redução do "burst" oxidativo e redução da expressão de receptores para IgG (FcgamaR) e para complemento (CR). Além disso, os polimorfismos genéticos dos FcgR têm sido associados com as disfunções imunes do LES. Os FcgamaR são importantes mediadores das funções efetoras do neutrófilo e atuam em sinergismo com os CR (CR1 e CR3). O polimorfismo dos genes FcgamaRIIA e FcgamaRIIIB determina a expressão de variantes alélicas com diferenças funcionais, as quais podem influenciar as respostas biológicas e a suscetibilidade e o prognóstico das doenças infecciosas. Em particular, o alótipo FcgamaRIIa-R131, tem menor afinidade para a IgG2, o que resulta em prejuízo na fagocitose mediada por esta imunoglobulina. A IgG2 é essencial contra bactérias encapsuladas e os pneumococos são responsáveis por 6-18% das infecções bacterianas no LES. O objetivo deste estudo é investigar a influência dos polimorfismos genéticos dos FcgamaR no "burst" oxidativo, fagocitose e desgranulação dos neutrófilos, associados ao polimorfismo do CR3, e à ocorrência de infecções bacterianas no LES. Este estudo contribui para o entendimento das anormalidades nas funções dos neutrófilos no LES e para a identificação de indivíduos, cujo polimorfismo dos FcgamaR e CR3 possa conferir suscetibilidade ou proteção às infecções. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
COSTA VIGATO-FERREIRA, ISABEL CRISTINA; TOLLER-KAWAHISA, JULIANA ESCHER; TRES PANCOTO, JOAO ALEXANDRE; MENDES-JUNIOR, CELSO TEIXEIRA; MARTINEZ, EDSON ZANGIACOMI; DONADI, EDUARDO ANTONIO; LOUZADA-JUNIOR, PAULO; CAVALCANTI DEL LAMA, JOSE EDUARDO; MARZOCCHI-MACHADO, CLENI MARA. Fc gamma RIIa and Fc gamma RIIIb polymorphisms and associations with clinical manifestations in systemic lupus erythematosus patients. AUTOIMMUNITY, v. 47, n. 7, p. 451-458, NOV 2014. Citações Web of Science: 7.
TOLLER-KAWAHISA, JULIANA ESCHER; COSTA VIGATO-FERREIRA, ISABEL CRISTINA; TRES PANCOTO, JOAO ALEXANDRE; MENDES-JUNIOR, CELSO TEIXEIRA; MARTINEZ, EDSON ZANGIACOMI; PALOMINO, GUSTAVO MARTELLI; LOUZADA-JUNIOR, PAULO; DONADI, EDUARDO ANTONIO; CAVALCANTI DEL LAMA, JOSE EDUARDO; MARZOCCHI-MACHADO, CLENI MARA. The variant of CD11b, rs1143679 within ITGAM, is associated with systemic lupus erythematosus and clinical manifestations in Brazilian patients. HUMAN IMMUNOLOGY, v. 75, n. 2, p. 119-123, FEB 2014. Citações Web of Science: 9.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.