Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação da amilóide sérica A (SAA) em processos associados à implantação embrionária e efeitos sobre o citotrofoblasto humano

Processo: 09/05354-0
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de julho de 2009 - 31 de dezembro de 2011
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Fisiologia
Pesquisador responsável:Ana Campa
Beneficiário:Ana Campa
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Farmacêuticas (FCF). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Implantação do embrião  Amiloide  Placenta  Trofoblastos  Citocinas  Leucócitos  Óxido nítrico 

Resumo

Nos últimos anos nosso grupo de pesquisa tem reconhecido várias atividades da amilóide sérica A (SAA) sobre leucócitos humanos no que diz respeito à liberação de citocinas pró-inflamatórias, produção de espécies reativas de oxigênio e óxido nítrico (NO). Com isso houve uma contribuição na definição da SAA como um potente agente imunorregulador que deve contribuir para a gênese e progressão da doença inflamatória. Apesar dos esforços no reconhecimento das ações da SAA, há ainda muitos questionamentos relacionados às ações desta sobre outros tipos celulares. Recentemente, foi descrito que a SAA é expressa por células trofoblásticas entre a 10a e 12a semanas de gravidez, porém o seu papel na interface materno-fetal permanece desconhecido. Assim, com este trabalho, fruto de uma colaboração com a Profa. Estela Bevilacqua (ICB-USP), pretendemos, em um primeiro momento, avaliar a presença da SAA em trofoblasto humano do vilo placentário durante os processos associados à implantação embrionária como a diferenciação e a invasão in vitro. Havendo a detecção da SAA durante os processos acima citados é de nosso interesse silenciar o gene da SAA e monitorar o efeito do silenciamento sobre estes mesmos processos. Para isso, pretendemos padronizar todas as condições de silenciamento gênico da SAA na linhagem de coriocarcinoma (JAR), que mimetiza a célula trofoblástica primária e expressa SAA de forma constitutiva, para depois estender para o citotrofoblasto humano. Em um segundo momento, verificaremos os efeitos da SAA sobre o citotrofoblasto extraviloso no que se refere à proliferação, a diferenciação e invasão, expressão e atividade de metaloproteinases (MMP-2 e MMP-9), liberação de citocinas e produção de NO. Além disso, avaliaremos se na ação da SAA sobre o citrofoblasto há a ativação de receptores Toll-like 2 e 4, para os quais a SAA é um dos ligantes. Portanto, com este estudo será possível verificar a participação da SAA em processos protetores e/ou deletérios para o desenvolvimento fetal e oferecer novos elementos da fisiologia da implantação fetal. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
SANDRI, SILVANA; BORBELY, ALEXANDRE URBAN; FERNANDES, ISABELLA; DE OLIVEIRA, EDSON MENDES; KNEBEL, FRANCIELE HINTERHOLZ; RUANO, RODRIGO; ZUGAIB, MARCELO; FILIPPIN-MONTEIRO, FABIOLA; BEVILACQUA, ESTELA; CAMPA, ANA. Serum Amyloid A in the Placenta and Its Role in Trophoblast Invasion. PLoS One, v. 9, n. 3 MAR 10 2014. Citações Web of Science: 10.
BORBELY, ALEXANDRE U.; SANDRI, SILVANA; FERNANDES, ISABELLA R.; PRADO, KAREN M.; CARDOSO, ELAINE C.; CORREA-SILVA, SIMONE; ALBUQUERQUE, RENATA; KNOEFLER, MARTIN; BELTRAO-BRAGA, PATRICIA; CAMPA, ANA; BEVILACQUA, ESTELA. The term basal plate of the human placenta as a source of functional extravillous trophoblast cells. Reproductive Biology and Endocrinology, v. 12, JAN 28 2014. Citações Web of Science: 16.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.