Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação da imunogenicidade do antígeno 1 de membrana apical de Plasmodium vivax(PvAMA-1): testes de protocolos heterólogos de indução e reforço utilizando DNA plasmidial e/ou proteína recombinante

Processo: 08/05613-2
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de outubro de 2008 - 30 de setembro de 2010
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Parasitologia - Protozoologia de Parasitos
Pesquisador responsável:Irene da Silva Soares
Beneficiário:Irene da Silva Soares
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Farmacêuticas (FCF). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Plasmodium vivax  Vacinas sintéticas  Malária 

Resumo

Nos últimos anos, estudamos diversos aspectos da resposta imune naturalmente adquirida contra uma proteína recombinante baseada no ectodomínio de AMA-1 de Plasmodium vivax (PvAMA-1) em indivíduos de áreas endêmicas de malária da região amazônica brasileira. Estes estudos demonstraram que esta proteína foi altamente reconhecida por anticorpos IgG de indivíduos infectados pelo P. vivax. Recentemente, geramos em bactérias outras cinco proteínas recombinantes baseadas em diferentes regiões do ectodomínio de PvAMA-1, o qual compreende os domínios I a III, com intuito de mapear regiões particularmente antigênicas da proteína. As diferentes proteínas recombinantes foram comparadas, por ELISA, quanto ao reconhecimento por anticorpos IgG de indivíduos infectados por P. vivax. Nossos resultados mostraram que as proteínas recombinantes contendo o domínio II foram particularmente imunogênicas durante a infecção natural (manuscrito submetido). Atualmente estamos avaliando a imunogenicidade desta proteína em camundongos na presença de diferentes formulações de adjuvantes, a fim de selecionar algumas combinações antígeno-adjuvante para serem utilizadas em futuras imunizações de primatas não humanos. Em abordagem complementar, estamos propondo neste projeto utilizar um protocolo heterólogo de indução e reforço da resposta imune com intuito de aumentar a intensidade e duração da resposta imune contra PvAMA-1. Este tipo de imunização é baseado no uso combinando de diferentes estratégias de imunização (DNA plasmidial, vetores virais ou proteínas recombinantes) utilizando o mesmo antígeno. A avaliação dos protocolos ideais de indução e reforço será realizada medindo-se as respostas de anticorpos dos animais imunizados. Para esse estudo, estamos propondo gerar uma nova proteína recombinante baseada no estodomínio de PvAMA-1, a qual será produzida na levedura Pichia pastoris. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
VICENTIN, ELAINE C.; FRANCOSO, KATIA S.; ROCHA, MARIANA V.; IOURTOV, DMITRI; DOS SANTOS, FERNANDA L.; KUBRUSLY, FLAVIA S.; SAKAUCHI, MARIA A.; RAW, ISAIAS; NOSTEN, FRANCOIS; RENIA, LAURENT; RODRIGUES, MAURICIO M.; RUSSELL, BRUCE; SOARES, IRENE S. Invasion-Inhibitory Antibodies Elicited by Immunization with Plasmodium vivax Apical Membrane Antigen-1 Expressed in Pichia pastoris Yeast. Infection and Immunity, v. 82, n. 3, p. 1296-1307, MAR 2014. Citações Web of Science: 32.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.