Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo da correlação entre a extensão da denervação simpática miocárdica e eventos arrítmicos em portadores de miocardiopatia chagásica crônica

Processo: 08/04140-3
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de agosto de 2008 - 31 de julho de 2010
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Clínica Médica
Pesquisador responsável:Marcus Vinicius Simões
Beneficiário:Marcus Vinicius Simões
Instituição-sede: Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Assunto(s):Cardiologia  Doença de Chagas  Cardiomiopatia chagásica  Arritmias cardíacas  Cintilografia 

Resumo

Evidências recentes sugerem que a denervação simpática regional cardíaca possa participar do mecanismo que desencadeia a arritmia ventricular complexa em diversas formas de cardiopatia, principalmente após infarto do miocárdio. Intensa e precoce denervação autonômica cardíaca é uma característica morfológica/funcional marcante da doença de Chagas. Estudo recente apontou para a existência de correlação positiva entre a extensão da denervação simpática cardíaca e a freqüência de arritmia ventricular grave (taquicardia ventricular não sustentada) em portadores de miocardiopatia chagásica crônica. Apesar dessas evidências, até o momento, nenhum estudo clínico longitudinal testou a hipótese de que a denervação simpática regional cardíaca possa ser um marcador de prognóstico para ocorrência de eventos arrítmicos e morte súbita nesta doença.O objetivo deste estudo é testar a associação entre a presença e extensão da denervação simpática regional, por meio da cintilografia miocárdica com metaiodobenzilguanidina marcada com iodo-123 (MIBG-I123), e a ocorrência de eventos clínicos arrítmicos em população de pacientes chagásicos com variado risco clínico para morte súbita e função ventricular esquerda relativamente preservada.Serão investigados 50 pacientes portadores de miocardiopatia chagásica crônica com função ventricular normal ou levemente deprimida (fração de ejeção do ventrículo esquerdo acima de 35%), exibindo variado risco clínico para morte súbita. Serão prospectivamente submetidos à cintilografia miocárdica com MIBG-I123, para determinar-se a extensão da denervação simpática, e à cintilografia miocárdica de perfusão em repouso com MIBI-tecnécio-99m, para determinação da extensão de viabilidade/fibrose miocárdica, obtendo-se a extensão de miocárdio viável e denervado pela análise de correlação topográfica entre esses parâmetros. Adicionalmente, os pacientes submeter-se-ão à avaliação do controle autonômico cardíaco, por meio da análise da variabilidade da freqüência cardíaca, e da densidade da arritmia ventricular ao Holter de 24 horas. Durante seguimento clínico de 2 anos, serão monitorados os eventos clínicos como morte súbita, taquicardia ventricular sustentada, terapia anti-taquicardia deflagrada (pacientes com CDI) e síncope, correlacionando-se esses achados com a extensão das anormalidades da inervação simpática. (AU)

Publicações científicas (4)
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
GADIOLI, LEONARDO PIPPA; MIRANDA, CARLOS HENRIQUE; PINTYA, ANTONIO OSVALDO; DE FIGUEIREDO, ALEXANDRE BALDINI; SCHMIDT, ANDRE; MACIEL, BENEDITO CARLOS; MARIN-NETO, JOSE ANTONIO; SIMOES, MARCUS VINICIUS. The severity of ventricular arrhythmia correlates with the extent of myocardial sympathetic denervation, but not with myocardial fibrosis extent in chronic Chagas cardiomyopathy Chagas disease, denervation and arrhythmia. JOURNAL OF NUCLEAR CARDIOLOGY, v. 25, n. 1, p. 75-83, FEB 2018. Citações Web of Science: 6.
VIEIRA DE CARVALHO, EDUARDO ELIAS; SANTI, GIOVANI LUIZ; CRESCENCIO, JULIO CESAR; LEMOS DE OLIVEIRA, LUCIANO FONSECA; COSTA DOS REIS, DANIELA CAETANO; FIGUEIREDO, ALEXANDRE BALDINI; PINTYA, ANTONIO OSVALDO; LIMA-FILHO, MOYSES OLIVEIRA; GALLO-JUNIOR, LOURENCO; MARIN-NETO, JOSE ANTONIO; SIMOES, MARCUS VINICIUS. Pilot study testing the effect of physical training over the myocardial perfusion and quality of life in patients with primary microvascular angina. JOURNAL OF NUCLEAR CARDIOLOGY, v. 22, n. 1, p. 130-137, FEB 2015. Citações Web of Science: 1.
MIRANDA, CARLOS H.; FIGUEIREDO, ALEXANDRE B.; MACIEL, BENEDITO C.; MARIN-NETO, JOSE ANTONIO; SIMOES, MARCUS VINICIUS. Sustained Ventricular Tachycardia Is Associated with Regional Myocardial Sympathetic Denervation Assessed with I-123-Metaiodobenzylguanidine in Chronic Chagas Cardiomyopathy. JOURNAL OF NUCLEAR MEDICINE, v. 52, n. 4, p. 504-510, APR 1 2011. Citações Web of Science: 21.
VIEIRA CARVALHO, EDUARDO ELIAS; CRESCENCIO, JULIO CESAR; ELIAS, JR., JORGE; ALVES BRITO, LAURA BEATRIZ; GALLO, JR., LOURENCO; SIMOES, MARCUS VINICIUS. Improved Endothelial Function and Reversal of Myocardial Perfusion Defects after Aerobic Physical Training in a Patient with Microvascular Myocardial Ischemia. AMERICAN JOURNAL OF PHYSICAL MEDICINE & REHABILITATION, v. 90, n. 1, p. 59-64, JAN 2011. Citações Web of Science: 4.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.