Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeitos clínicos, funcionais e em citocinas circulantes da redução do peso em pacientes asmáticos obesos

Processo: 08/55173-9
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de outubro de 2008 - 31 de maio de 2011
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Clínica Médica
Pesquisador responsável:Alberto Cukier
Beneficiário:Alberto Cukier
Instituição-sede: Faculdade de Medicina (FM). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Asma  Função pulmonar  Obesidade  Qualidade de vida  Marcadores inflamatórios 

Resumo

Racional: Sessenta por cento dos pacientes incluídos em nosso projeto de asma de difícil controle são obesos (Projeto FAPESP - 2005/58757-3). O impacto da redução de peso nesta subpopulação de asmáticos não foi estudado. Objetivos: Avaliar o impacto da redução de peso e o comportamento de marcadores inflamatórios associados à obesidade em pacientes com asma de difícil controle. Método: o estudo será dividido em duas fases (estudo comparativo e longitudinal), que se complementam. Estudo Comparativo: transversal controlado. 60 pacientes (15 asmáticos obesos - IMC > 30Kg/m2, 15 asmáticos não obesos, 15 obesos não asmáticos, 15 não asmáticos e não obesos). Procedimentos - Questionário de controle da asma, pletismografia, dosagens séricas (leptina, TGF-beta1, eotaxina, IL-6, TNFalfa). Cálculo amostral - baseado na diferença dos níveis de eotaxina entre indivíduos obesos e não obesos (diferença entre os grupos de 40pg/mL, desvio-padrão de 30pg/mL, erro alfa de 5% e um poder de 80%). Estudo Longitudinal: aberto, prospectivo e randomizado de dois grupos paralelos (45 pacientes asmáticos de difícil controle com IMC igual ou superior a 30 Kg/m2 por grupo) submetidos ou não a programa de redução de peso por 6 meses. Desfecho primário - variação do pico de fluxo expiratório; desfechos secundários -parâmetros funcionais, questionários de controle de asma, qualidade de vida. Procedimentos (basal e após 6 meses) questionários de qualidade de vida, ansiedade, depressão e sono, de controle da asma, pletismografia, broncoprovocação, dosagens séricas (leptina, TGFbetal, eotaxina, IL-6, TNFalfa), escarro induzido, bioimpedância elétrica, diário de sintomas, pico de fluxo expiratório domiciliar. Cálculo amostral: baseado na variação do pico de fluxo diário (aumento de 50L/min no grupo tratado e 20L/min no grupo controle, desvio-padrão de 25L/min, erro alfa de 5% e um poder de 90%). (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.