Busca avançada
Ano de início
Entree

Influência do laser de baixa intensidade associado as proteínas osteogênicas rhBMP-2 e Hevea brasiliensis no reparo de defeitos ósseos em calvária de ratos Wistar

Processo: 08/55486-7
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de outubro de 2008 - 30 de setembro de 2010
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Morfologia
Pesquisador responsável:Mamie Mizusaki Iyomasa
Beneficiário:Mamie Mizusaki Iyomasa
Instituição-sede: Faculdade de Odontologia de Ribeirão Preto (FORP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Assunto(s):Ratos  Imuno-histoquímica  Histomorfometria  Defeitos ósseos  Reparo ósseo  Proteínas morfogenéticas ósseas  Osteoindução  Terapia a laser de baixa intensidade  Microscopia de polarização 

Resumo

Atualmente, inúmeras pesquisas vêm buscando soluções para o reparo dos defeitos ósseos e prevenção da perda óssea. O papel das BMPs em defeitos ósseos críticos tem sido estudado na literatura, mas ainda não foi examinado com maior profundidade. A proteína extraída da seringueira (Hevea brasiliensis) possui propriedades interessantes com relação ao reparo ósseo e de tecidos moles, sendo biocompatível e de grande potencial angiogênico. Mais recentemente, a laserterapia de baixa intensidade tem sido utilizada objetivando a formação óssea, porém, o seu efeito em nível celular ainda não é bem compreendido. O laser que será utilizado é o de GaA1As de 780 nm; 60 mW de potência e densidade de energia (dose) de 30 J/cm2. O presente estudo tem como objetivo a análise da qualidade e da quantidade do tecido ósseo neoformado após 4 semanas do defeito ósseo criado na região da calvária por técnica cirúrgica, em 70 ratos Wistar machos (300g). Os animais serão distribuídos em 2 grandes grupos: 1) defeito ósseo + laser de baixa intensidade e 2) defeito ósseo sem laser, os quais terão os seguintes subgrupos cada um com (n=7): a) defeito ósseo + 5µg da proteína morfogenética rhBMP-2 pura; b) defeito ósseo + 5µg da proteína extraída da Hevea brasiliensis pura; c) defeito ósseo + 5µg da proteína morfogenética rhBMP-2 combinado ao gel de monoleína como carreador; d) defeito ósseo + 5µg da proteína extraída da Hevea brasiliensis combinada ao gel de monoleína como carreador; e) defeito ósseo + gel de monoleína puro. Os resultados relativos a neoformação óssea serão avaliados por meio de métodos histomorfométricos, imunohistoquímicos e radiográficos, e os dados resultantes dessas análises serão submetidos a exame estatístico. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
IYOMASA, MAMIE MIZUSAKI; MARDEGAN ISSA, JOAO PAULO; DE QUEIROZ TAVARES, MIRELLA LEMOS; LARA PEREIRA, YAMBA CARLA; SASSO STUANI, MARIA BERNADETE; MISHIMA, FABIOLA; COUTINHO-NETTO, JOAQUIM; SEBALD, WALTER. Influence of low-level laser associated with osteogenic proteins recombinant human BMP-2 and Hevea brasiliensis on bone repair in Wistar rats. MICROSCOPY RESEARCH AND TECHNIQUE, v. 75, n. 2, p. 117-125, FEB 2012. Citações Web of Science: 7.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.