Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeito de uma dieta rica em linhaça (Linum usitatissimum L.) no câncer de mama

Resumo

Introdução. O câncer de mama é o mais temido entre as mulheres, considerando-se sua alta freqüência e efeitos psicológicos que afetam a imagem pessoal e a sexualidade. É responsável por uma das principais causas de morte entre mulheres e nota-se um aumento na sua incidência na maioria dos países, tanto naqueles desenvolvidos quanto em desenvolvimento. Há uma estreita relação entre dieta e câncer e o mesmo ocorre com o câncer de mama e ingestão de alguns alimentos. O consumo de linhaça tem sido preconizado como capaz de reduzir o risco do câncer de mama. Objetivo. Verificar o efeito de uma dieta rica em linhaça na evolução do câncer de mama em camundongos fêmeas. Metodologia. Células cancerosas mamárias humanas (tipo MCF-7) serão inseridas no tecido adiposo da mama de camundongos fêmeas nude. Quando os tumores já puderem ser claramente identificados, após aproximadamente 7 semanas, os animais constituirão 3 grupos. Sementes de linhaça das variedades marrom e dourada serão moídas para produção de farinhas que serão utilizadas na suplementação das dietas a serem oferecidas aos animais. Será observado o crescimento dos tumores implantados nos animais e o efeito das dietas ministradas nestes tumores. Forma de análise dos resultados. Os resultados obtidos serão apresentados de forma descritiva em gráficos e tabelas. O efeito dos diversos tratamentos na evolução dos tumores será avaliado por análise de variância (ANOVA). (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
SIMBALISTA, RENEE L.; SAUERBRONN, ADOLFO V.; ALDRIGHI, JOSE M.; AREAS, JOSE A. G. Consumption of a Flaxseed-Rich Food Is Not More Effective Than a Placebo in Alleviating the Climacteric Symptoms of Postmenopausal Women. Journal of Nutrition, v. 140, n. 2, p. 293-297, FEB 2010. Citações Web of Science: 24.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.