Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação do fluxo domiciliar dos resíduos de equipamentos elétricos e eletrônicos (REEE) no município de São Paulo

Processo: 08/05089-1
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de agosto de 2009 - 31 de outubro de 2011
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Sanitária - Saneamento Ambiental
Pesquisador responsável:Wanda Maria Risso Günther
Beneficiário:Wanda Maria Risso Günther
Instituição-sede: Faculdade de Saúde Pública (FSP). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Resíduos sólidos  Gestão ambiental  Equipamentos elétricos  Resíduos perigosos  Poluentes ambientais  Reciclagem de resíduos perigosos  Políticas públicas 

Resumo

Resíduos de Equipamentos Elétricos e Eletrônicos(REEE) pós-consumo têm sido globalmente reconhecidos como um perigo emergente para a sociedade, devido aos crescentes volumes gerados, substâncias perigosas presentes e seu descarte inadequado, o que comprometem a qualidade ambiental e a saúde humana. No Brasil, não há estimativa confiável da geração e destino dos REEE, nem política ou legislação específica; os dados são escassos, dispersos e desatualizados e inexistem informações de tipos e quantidades de equipamentos em uso, formas e ritmo de substituição e atitudes dos consumidores em relação ao destino no pós-consumo. É conhecido que a grande maioria, principalmente os de origem domiciliar, é disposta em aterros de resíduos. Alguns tipos são encaminhados para reciclagem, inclusive fora do país. Visando à proposição de um gerenciamento adequado para os REEE, integrado ao sistema de resíduos sólidos urbanos, propõe-se o levantamento da geração domiciliar e destino dos REEE no município de São Paulo. Esse levantamento permitirá estimar a quantidade em uso, a vida útil média dos equipamentos eletroeletrônicos, os hábitos da população (conserto, doação, armazenamento) e as formas de descarte e destino dos REEE e, ainda, avaliar o fluxo de geração e destino, com estimativa de quanto e para onde são destinados. A pesquisa baseia-se em estudo transversal de base populacional, com amostras domiciliares, estatisticamente representativas e selecionadas por procedimento de amostragem probabilística por conglomerados em três estágios. Instrumento de pesquisa será elaborado e aplicado em inquérito domiciliar, por entrevistadores treinados. Os dados coletados, referentes a variáveis - socioeconômicas; tipo, quantidade e destino de REEE; hábitos e comportamento da população estudada; e característica do domicílio e da família - as quais levam às práticas de geração e descarte de REEE, serão digitalizados (programa EPIDATA) formando banco de dados e receberão tratamento estatístico (STATA 9.0). Serão realizadas análises descritivas e, para identificação de possíveis associações entre as variáveis estudadas, serão efetuadas análises bivariáveis e multivariáveis, por meio de modelos de regressão logística. Com a presente pesquisa são esperados os resultados: desenvolver metodologia para a realização de estudos de caracterização de outros fluxos de REEE; dados sobre geração, recuperação, doação e descarte de REEE, que embasarão estimativas de reciclagem e encaminhamento para aterros sanitários ou outra destinação; cálculo de indicadores de geração; tendência atual e futura que embasarão políticas públicas no setor; comparação com outras localidades; listagem de REEE que merecem mais atenção; orientação de doutorado e iniciação científica no tema. (AU)