Busca avançada
Ano de início
Entree

Investigacao sobre a funcao das proteinas lrr17 de leishmania.

Processo: 08/51298-1
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de junho de 2008 - 30 de novembro de 2010
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Parasitologia - Protozoologia de Parasitos
Pesquisador responsável:Silvia Reni Bortolin Uliana
Beneficiário:Silvia Reni Bortolin Uliana
Instituição-sede: Instituto de Ciências Biomédicas (ICB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Leishmania 

Resumo

Os mecanismos de evasão utilizados por protozoários do gênero Leishmania aos processos inatos e adaptativos de defesa no hospedeiro vertebrado têm sido alvo de estudos extensos. Em decorrência de projeto de caracterização de um segmento do cromossomo 17 de L. amazonensis, em andamento em nosso laboratório, identificamos um gene que codifica um polipeptídeo contendo 6 repetições ricas em leucina, denominado LaLRR17. Análise da seqüência da proteína permite classificá-la como parte da superfamília de proteínas ricas em domínios de leucina e mostra similaridade com proteínas NOD ("nucleotide oligomerization domain") humanas. As proteínas NOD são parte de uma família recentemente identificada ("nucleotide-binding domain leucine-rich repeat family", NLR) de receptores intracelulares para reconhecimento de padrões associados a patógenos (PAMPs). O transcrito LaLRR17 e mais abundante em amastigotas de L. amazonensis e dados obtidos em nosso laboratório mostram que a proteína LaLRR17 e secretada para o citoplasma da célula hospedeira, sugerindo que a mesma possa agir como mediadora de interação entre o amastigota e o macrófago. Genes ortólogos ao identificado em L. amazonensis estão presentes nos genomas de L. major e L. braziliensis. Assim, esse projeto tem como objetivos: caracterizar estrutural e funcionalmente o gene LaLRR17 e seus homólogos em L. major (LMLRR17) e L. braziliensis (LbLRR17 e LbLRR17.2), investigar a participação de proteínas da família NLR na infecção por Leishmania e verificar se ocorre interação entre as proteínas LRR17 de Leishmania e membros da família NLR. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)