Busca avançada
Ano de início
Entree

Levantamento geocronologico da costa sul-sudeste em enfase no quaternario.

Resumo

Devido à sua gigantesca extensão, a costa brasileira apresenta formações geológicas bem variadas, desde as praias, dunas, falésias, morros e serras envolvendo vários períodos geológicos. Do ponto de vista de estudos geocronológicos, técnica mais usada é a de radiocarbono para idades inferiores a 50 ka e, a de radioatividade quando se refere a idades de centenas de ka a alguns Ma. Na região de Cananéia foi usada a técnica de termoluminescência. Esta última, associada à de ressonância paramagnética eletrônica, fornece micronologia, isto é, dentro da idade "macro" geológica, detalhes da formação no tempo são obtidas. Esse aspecto da geocronologia não tem sido discutido até agora e será feito neste projeto. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio: