Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação da influência da utilização do cimento de ionômero de vidro e de hidróxido de cálcio resinoso como materiais forradores na resistência de união entre a resina composta e a dentina

Processo: 09/53182-3
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de maio de 2010 - 30 de abril de 2011
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia - Clínica Odontológica
Pesquisador responsável:César Rogério Pucci
Beneficiário:César Rogério Pucci
Instituição-sede: Faculdade de Odontologia (FOSJC). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de São José dos Campos. São José dos Campos , SP, Brasil
Assunto(s):Dentina  Resinas compostas  Cimentos de ionômeros de vidro  Resistência de união (odontologia)  Forramento da cavidade dentária 

Resumo

O objetivo do estudo será avaliar a influência da utilização dos cimentos de ionômero de vidro (convencional e modificado por resina composta) e de um hidróxido de cálcio resinoso como materiais forradores na resistência de união entre a resina composta e a dentina. Incisivos bovinos serão embutidos em blocos de resina acrílica incolor e o esmalte vestibular será desgastado até expor uma área plana com 7mm de diâmetro de dentina. Matrizes de silicone com perfurações de 1mm e 2mm de diâmetro serão fixadas sobre a região de dentina exposta para delimitar a área de atuação do agente forrador. A resina composta será inserida em uma matriz de silicone cônica com dimensão menor de 5mm e maior de 7mm colocada sobre a área de dentina exposta com o cilindro de material forrador centralizado. Os espécimes serão divididos em 7 grupos (n-12): Grupo l (Grupo controle): Não será utilizado nenhum agente forrador. Nos grupos 2, 4 e 6 serão utilizados os materiais forradores Vitrebond Plus (3M Espe), Ultrablend plus (Ultradent-USA) e Vidrion F(SSWHITE-Brasil) respectivamente, em uma área de lmm de diâmetro.Nos grupos 3, 5 e 7 serão utilizados os mesmos agentes forradores seguindo a mesma ordem, em uma área de 2mm de diâmetro. A resina composta Filtek Z 350(3M Espe) será inserida pela técnica incremental. Os espécimes sofrerão o processo de ciclagem termomecânica utilizando a maquina de desgaste termomecânica ERIOS (modelo ER - 37000) e serão submetidos ao ensaio mecânico de tração (EMIC-Brasil). Os valores da resistência adesiva serão gravados, e submetidos à análise de variância Anova e Tukey, ao nível de significância de 5% (p<0,05). (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
PUCCI, CESAR R.; DE OLIVEIRA, RODRIGO S.; CANEPPELE, TACIANA M. F.; TORRES, CARLOS R. G.; BORGES, ALESSANDRA B.; TAY, FRANKLIN R. Effects of surface treatment, hydration and application method on the bond strength of a silorane adhesive and resin system to dentine. Journal of Dentistry, v. 41, n. 3, p. 278-286, MAR 2013. Citações Web of Science: 11.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.