Busca avançada
Ano de início
Entree

Presença e sensibilidade aos antimicrobianos de microorganismos potencialmente superinfectantes na cavidade bucal de pacientes com anemia falciforme em uso de hidroiureia

Processo: 09/50028-3
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de maio de 2009 - 30 de junho de 2011
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Microbiologia - Microbiologia Aplicada
Pesquisador responsável:Cristiane Yumi Koga Ito
Beneficiário:Cristiane Yumi Koga Ito
Instituição-sede: Faculdade de Odontologia (FOSJC). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de São José dos Campos. São José dos Campos , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):10/11257-4 - Presença e sensibilidade aos antimicrobianos de microrganismos potencialmente superinfectantes na cavidade bucal de pacientes com anemia falciforme em uso de hidroxiuréia, BP.TT
09/10351-0 - Presença e sensibilidade aos antimicrobianos de microrganismos potencialmente superinfectantes na cavidade bucal de pacientes com anemia falciforme em uso de hidroxiuréia, BP.TT
Assunto(s):Candida  Enterobacteriaceae  Anemia falciforme  Anti-infecciosos  Boca 

Resumo

O objetivo deste estudo será avaliar a presença, assim como a suscetibilidade aos antimicrobianos, de leveduras do gênero Cândida, estafilococos, enterobactérias e Pseudômonas spp. Na cavidade bucal de pacientes com anemia falciforme (com ou sem tratamento com hidroxiuréia) comparando os resultados com indivíduos controle. Desta forma, serão selecionados 30-40 pacientes, com idades entre 18 a 45 anos portadores de anemia falciforme, com diagnóstico confirmado por exames clínicos e laboratoriais, sob tratamento com hidroxiuréia (HU) por no mínimo 60 dias e não submetidos ao uso de HU (n=30-40). Participarão dos respectivos grupos controle indivíduos sistemicamente saudáveis com perfil semelhante (quanto à idade, sexo e condições bucais) ao dos grupos em estudo (n=30-40/grupo). Serão excluídos pacientes diabéticos, portadores de próteses bucais, aparelhos ortodônticos e que estejam sob terapia com medicamentos que podem interferir com as condições bucais. Será realizado exame clínico, anamnese e coleta de enxágüe bucal de cada paciente. Este será semeado em meios de cultura específicos para cada microrganismo e, após incubação, serão obtidos valores de UFC/mL. A partir das amostras obtidas, serão realizadas provas de identificação a fim de caracterizar as espécies dos gêneros em estudo. Os dados de contagem de UFC serão comparados estatisticamente entre os grupos. A prevalência das espécies de microrganismos isolados será comparada entre os grupos anemia falciforme com HU, sem HU e controles. Testes de suscetibilidade os antifúngicos das cepas de leveduras e os antibióticos das cepas bacterianas obtidas serão realizados e os resultados comparados entre os grupos em estudo. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
RODRIGUES DANZI SALVIA, ANA CAROLINA; FIGUEIREDO, MARIA STELLA; PELLEGRINI BRAGA, JOSEFINA APARECIDA; ALVES PEREIRA, DANIEL FREITAS; BRIGHENTI, FERNANDA LOURENCAO; KOGA-ITO, C. Y. Hydroxyurea therapy in sickle cell anemia patients aids to maintain oral fungal colonization balance. JOURNAL OF ORAL PATHOLOGY & MEDICINE, v. 42, n. 7, p. 570-575, AUG 2013. Citações Web of Science: 1.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.