Busca avançada
Ano de início
Entree

Biodiversidade dos parasitos das espécies de peixes dominantes num tributário da represa hipereutrófica de Barra Bonita (Rio do Peixe / médio Rio Tietê, SP, Brasil)

Processo: 09/53316-0
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de fevereiro de 2010 - 31 de julho de 2012
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Recursos Pesqueiros e Engenharia de Pesca - Recursos Pesqueiros de Águas Interiores
Pesquisador responsável:Reinaldo José da Silva
Beneficiário:Reinaldo José da Silva
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IBB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):10/03066-4 - Biodiversidade dos parasitos das espécies de peixes dominantes num tributário da represa hipertrófica de Barra Bonita (Rio do Peixe / médio Rio Tietê, SP, Brasil), BP.TT
Assunto(s):Biodiversidade  Sanidade  Parasitos  Peixes  Rio do Peixe 

Resumo

O Brasil é privilegiado em recursos hídricos, possui cerca de 12% da água doce mundial, porém os grandes rios brasileiros estão sofrendo um processo crescente de degradação ambiental, um exemplo é o trecho do médio rio Tietê, onde a represa de Barra Bonita (SP) concentra praticamente toda a carga de efluentes orgânicos oriundos da região metropolitana de São Paulo, induzindo a eutrofização com a perda da qualidade da água. Nesta bacia hidrográfica localiza-se o rio do Peixe, um dos tributários da represa de Barra Bonita cujas nascentes estão nas encostas da Cuesta de Botucatu, apresentando num gradiente altitudinal, um bom estado de conservação ambiental e qualidade de águas, com uma rica biodiversidade de peixes associada à presença de inúmeras lagoas marginais. Entretanto, na região de sua desembocadura (transição rio/represa de Barra Bonita), constata-se uma drástica mudança das condições limnológicas devido à influência da hiper-eutrófica represa. Contraditoriamente, nesta região concentram-se importantes estoques de peixes que sustenta intensas atividades de pesca artesanal e esportiva. Sob outra óptica, os parasitos de peixes têm sido apontados como excelentes modelos para estudos de ecologia parasitária e bioindicadores ambientais, considerando o fato que as características do ecossistema aquático, e em especial, as físico-químicas da água influenciam a composição e estruturas das comunidades parasitárias. Desta forma, o principal objetivo deste projeto será diagnosticar quali-quantitativamente as comunidades parasitárias das espécies de peixes dominantes ao longo do gradiente altitudinal de um importante rio sob a influência limnológica da represa de Barra Bonita (médio rio Tietê). (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
ABDALLAH, V. D.; AZEVEDO, R. K.; SILVA, R. J. First record of Palombitrema triangulum (Suriano, 1981) Suriano, 1997 (Monogenea: Dactylogyridae) from freshwater fishes in Brazil. Brazilian Journal of Biology, v. 75, n. 1, p. 229-233, MAR 2015. Citações Web of Science: 0.
DE AZEVEDO, RODNEY KOZLOWISKI; ABDALLAH, VANESSA DORO; KRUEGER PAES, JACIARA VANESSA; DA SILVA, REINALDO JOSE; MATOS, PATRICIA; VELASCO, MICHELE; MATOS, EDILSON. Henneguya nagelii n. sp (Myxozoa: Myxobolidae) in Cyphocharax nagelii (Steindachner, 1881) (Teleostei: Characiformes: Curimatidae) from the Peixe's River, So Paulo State, Brazil. Parasitology Research, v. 112, n. 10, p. 3601-3605, OCT 2013. Citações Web of Science: 5.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.