Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudos estruturais com a importina-alfa e peptídeos de sequências de localização nuclear

Processo: 09/14118-8
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de dezembro de 2009 - 31 de janeiro de 2012
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Biofísica - Biofísica Molecular
Pesquisador responsável:Marcos Roberto de Mattos Fontes
Beneficiário:Marcos Roberto de Mattos Fontes
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IBB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):11/01397-6 - Estudos estruturais com a importina-alfa e peptídeos de sequências de localização nuclear, BP.TT
10/09576-4 - Estudos estruturais com a importina-alfa e peptídeos de sequências de localização nuclear, BP.TT
10/01114-1 - Estudos estruturais com a importina-alfa e peptídeos de sequências de localização nuclear, BP.TT
Assunto(s):Cristalografia de proteínas 

Resumo

Proteínas que contém as clássicas seqüências de localização nuclear (NLSs) são importadas para o núcleo pelo heterodímero importina-alfa/beta. A importina-alfa contém o sítio de ligação do NLS, enquanto a importina-beta media o transporte através do poro da membrana nuclear. Para determinar as bases estruturais do reconhecimento de seqüências NLS pela importina-alfa de mamíferos, o laboratório de Biologia Molecular Estrutural do Departamento de Física e Biofísica do Instituto de Biociências - UNESP em colaboração com pesquisadores da Universidade de Queensland - Austrália desde 1999 vem se dedicando a esta linha de pesquisa. Nestes últimos dez anos já foram elucidadas cerca de uma dezena de estruturas por técnicas de cristalografia, e com auxílio de outras técnicas (surface plasmon ressonance (Biacore), equilíbrio de sedimentação, espalhamento dinâmico de luz, eletroforese e dicroísmo circular), informações biológicas fundamentais foram obtidas. A combinação destes dados experimentais gerou informações de grande importância para o entendimento do processo de importação de proteínas para o núcleo celular com possíveis implicações no desenho racional de drogas e no processo de drug delivery. Neste período foram publicados artigos em periódicos de grande índice de impacto. O planejamento de médio prazo para esta linha de pesquisa em nosso laboratório inclui a atuação de pós-doutores e pós-graduados e a colaboração de pesquisadores do país (Profa. Maria Célia Bertolini - UNESP/Araraquara, Profa. Maria Izabel Cano - UNESP/Botucatu entre outros) e do exterior (Prof. Bostjan Kobe - Universidade de Queensland - Austrália). O projeto proposto aqui trata especificamente de duas classes de peptídeos NLSs e sua interação com importina alfa de mamíferos: i) importina alfa e peptídeos NLSs de proteínas relacionadas ao reparo de DNA e ii) peptídeos NLSs desenvolvidos a partir de uma biblioteca de peptídeos específicos para importina alfa de mamíferos por nossos colaboradores da Austrália. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
DE BARROS, ANDREA C.; TAKEDA, AGNES A. S.; DREYER, THIAGO R.; VELAZQUEZ-CAMPOY, ADRIAN; KOBE, BOSTJAN; FONTES, MARCOS R. M. DNA mismatch repair proteins MLH1 and PMS2 can be imported to the nucleus by a classical nuclear import pathway. Biochimie, v. 146, p. 87-96, MAR 2018. Citações Web of Science: 3.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.