Busca avançada
Ano de início
Entree

Distribuição e alimentação de peixes em riachos de serra e planice de Floresta Atlântica, Bacia do Rio Ribeira do Iguape, Sudeste do Estado de São Paulo

Processo: 08/55029-5
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de outubro de 2008 - 30 de setembro de 2010
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Recursos Pesqueiros e Engenharia de Pesca - Recursos Pesqueiros de Águas Interiores
Pesquisador responsável:Francisco Manoel de Souza Braga
Beneficiário:Francisco Manoel de Souza Braga
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Rio Claro. Rio Claro , SP, Brasil
Assunto(s):Dieta  Diversidade  Ecologia de comunidades  Recursos alimentares 

Resumo

A Floresta Atlântica é conhecida por sua exuberante riqueza e endemismo de espécies, incluindo a ictiofauna. A região do vale do rio Ribeira de Iguape, litoral sul do estado de São Paulo, concentra os remanescentes mais representativos e preservados deste bioma na costa brasileira, sendo considerada uma área prioritária para a conservação da ictiofauna. O objetivo deste trabalho será investigar o modo como a ictiofauna da Estação Ecológica Juréia-Itatins está distribuída espacial e temporalmente e como os recursos do ambiente são utilizados em sua alimentação. Os pontos amostrais serão distribuídos nos trechos superior, médio e inferior de cada riacho. Para a coleta de peixes serão utilizadas redes de espera, aparelho de pesca elétrica, peneiras e covos. Os recursos alimentares serão quantificados utilizando-se coletores flutuantes, puçá e Surber. Medidas de diversidade (diversidade αα e ß, riqueza e uniformidade) serão tomadas para compreender o padrão de distribuição da ictiofauna nas escalas espacial e temporal, através de estimadores apropriados para cada caso particular. A dieta da ictiofauna será avaliada identificando-se os componentes principais e preferenciais para cada espécie utilizando índices alimentares. A diferença da dieta das espécies entre os pontos amostrados e as estações do ano, a seletividade dos peixes na utilização dos recursos alimentares disponíveis no ambiente e a dinâmica da atividade alimentar serão avaliadas para complementar o estudo da alimentação e compreensão da organização trófica da ictiofauna. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
GONCALVES, CRISTINA DA SILVA; CESTARI, CESAR. Grazing of the lambari fish Deuterodon iguape is associated with mouth morphology. ZOOLOGISCHER ANZEIGER, v. 274, p. 127-130, MAY 2018. Citações Web of Science: 0.
GONCALVES, CRISTINA DA SILVA; CARVALHO, FERNANDO ROGERIO; PEREZ-MAYORGA, MARIA ANGELICA; DE OLIVEIRA, ISADORA FRANCESCONI. Identification key for fishes from coastal streams of the Atlantic forest of southeastern Brazil. Biota Neotropica, v. 17, n. 4, p. -, 2017. Citações Web of Science: 1.
GONCALVES, CRISTINA DA SILVA; DE SOUZA BRAGA, FRANCISCO MANOEL. Changes in ichthyofauna composition along a gradient from clearwaters to blackwaters in coastal streams of Atlantic forest (southeastern Brazil) in relation to environmental variables. Neotropical Ichthyology, v. 10, n. 3, p. 675-684, JUL-SEP 2012. Citações Web of Science: 12.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.