Busca avançada
Ano de início
Entree

Física além do modelo padrão, formação de estruturas em grande escala no universo e o projeto Dark Energy Survey

Processo: 08/51296-9
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de agosto de 2008 - 31 de julho de 2010
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Física - Física das Partículas Elementares e Campos
Pesquisador responsável:Rogério Rosenfeld
Beneficiário:Rogério Rosenfeld
Instituição-sede: Instituto de Física Teórica (IFT). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de São Paulo. São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Energia escura 

Resumo

Uma Nova Física além do Modelo Padrão das interações fundamentais pode ser necessária para descrever os dados cosmológicos mais recentes. Em particular, a existência da assim chamada Energia Escura pode explicar várias medidas independentes mas sua origem ainda não é conhecida. O projeto Dark Energy Survey (DES), atualmente em construção para operar no telescópio Blanco no Chile, realizará observações em uma grande área celeste com um instrumento multibandas de alta precisão. O DES tentará desvendar o mistério da Energia Escura atuando em 4 grandes áreas: lentes gravitacionais, supernovas, oscilações bariônicas e estruturas em grandes escalas. O início das operações do DES está agendado para outubro de 2009. O objetivo desse Projeto, submetido à Fapesp é basicamente financiar a participação de um membro da comunidade de físicos do estado de São Paulo no chamado DES-Brazil Consortium. Mais especificamente, queremos explorar a sensibilidade de observações do DES relacionadas à distribuição de aglomerados de galáxias, suplementadas por dados do South Pole Telescope, a parâmetros cosmológicos, incluindo em nossos estudos as possibilidades da existência de flutuações na densidade de energia escura e da interação entre matéria escura e energia escura. Esperamos obter vínculos observacionais em diferentes modelos de Física de Partículas de Campos com os dados futuros. Obviamente a implementação desse Projeto é condicional à minha aceitação como membro do DES através do DES-Brazil Consortium. (AU)