Busca avançada
Ano de início
Entree

Expressão dos fatores LIF (fator inibitório de leucemia), IL-6 (interleucina-6), STAT-3 (ativador de transcrição-3) e telomerase em coriocarcinomas

Resumo

A invasão do endométrio pelo trofoblasto extra-viloso é processo fundamental no desenvolvimento do feto e da placenta, sendo controlado por fatores ligados à atividade imunológica e hormonal. Alterações na expressão destes fatores podem resultar em interrrupção da gestação normal e geração das chamadas doenças trofoblásticas gestacionais. Como agravante, algumas situações podem evoluir para neoplasia maligna de considerável agressividade e, nestes casos, há fortes indícios de participação das moléculas ligadas ao processo de fusão celular e inflamação. Os estudos neste sentido são incipientes e, até o momento, não foram estabelecidas as relações diretas entre a expressão destas moléculas, isoladas ou em conjunto, e as diversas doenças trofoblásticas gestacionais. Considerando as questões que não estão respondidas até o momento, este projeto pretende estudar a expressão do fator inibitório de leucemia (LIF), da interleucina-6 (IL-6), do ativador de transcrição-3 (STAT-3) e da função da telomerase, visando compreender sua participação no processo de invasão do endométrio e na instalação das doenças trofoblásticas gestacionais. Para tanto, serão avaliados os níveis de expressão das moléculas citadas, em linhagens de coriocarcinomas e placentas normais. Tais moléculas serão detectadas, localizadas e quantificadas através de ensaios imuno-hitoquímicos (IHQ), de Western Blotting (WB) e de Amplificação Repetida do Telomerase (TRAP). Os materiais biológicos para IHQ serão obtidos a partir de biópsias fixadas em formalina e mantidas em parafina, arquivadas no Departamento de Anatomia Patológica da Unicamp. Para as reações de Western Blott e TRAP, material a fresco será obtido a partir de linhagens celulares mantidas e cultivadas em laboratório. Os resultados serão comparados, nas situações de doença e normalidade, da seguinte forma: análise semi-quantitativa para os resultados de IHQ; processamento de imagem das reações de WB e TRAP e subsequente comparação das frequências pelo teste qui-quadrado. Espera-se fornecer elementos para compreensão dos processos envolvidos na fusão celular e de suas implicações sobre a alteração neoplásica e a doença gestacional. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)