Busca avançada
Ano de início
Entree

Identificação do Polimorfismo C936T do gene VEGF em portadores de adenocarcinoma colorretal esporádico.

Processo: 08/01126-0
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de novembro de 2008 - 31 de outubro de 2010
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Cirurgia
Pesquisador responsável:Claudio Saddy Rodrigues Coy
Beneficiário:Claudio Saddy Rodrigues Coy
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Médicas (FCM). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Fatores de crescimento do endotélio vascular  Polimorfismo genético  Genes  Adenocarcinoma 

Resumo

Uma das neoplasias mais freqüentes e letais, no Brasil e no mundo ocidental, quando diagnosticada tardiamente, é o câncer colorretal (CC), onde 95% decorre de adenomas causados por mutações de células normais. Para que estas células possam se desenvolver, crescendo descontroladamente, ocorre a angiogênese. Um dos fatores responsável por este evento é a glicoproteína VEGF. Acredita-se que o polimorfismo C936T proveniente do gene VEGF seja um dos responsáveis pela angiogênese no tumor CC.O objetivo deste estudo é identificar a freqüência do polimorfismo C936T do gene VEGF em pacientes portadores de adenocarcinoma colorretal esporádico através do estudo em 250 pacientes portadores desta efermidade, considerando a idade, sexo, sobrevida do paciente, o estadiamento/TNM e a localização do tumor.O polimorfismo C936T será identificado por meio da reação em cadeia da polimerase (PCR) seguida de digestão enzimática. O significado estatístico das diferenças entre grupos será calculado por meio do teste da probabilidade exata de Fisher ou Qui-quadrado. As determinações dos riscos de ocorrência do ACE, a que pacientes e controles foram submetidos, serão obtidas por meio das razões das chances (ORs) e calculadas considerando um intervalo de confiança de 95%.Sera avaliada a possivel correlação do polimorfismo 936T com a predisposição no desenvolvimento do ACE, levando a crer que sua identificação possa ser útil na avaliação prognóstica, por isso o interesse em estudá-lo. (AU)