Busca avançada
Ano de início
Entree

Desenvolvimento de lipossomas catiônicos contendo ácido hialurônico para a veiculação de vacina de DNA na prevenção da leishmaniose

Processo: 10/02203-8
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de julho de 2010 - 30 de junho de 2012
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Química
Pesquisador responsável:Lucimara Gaziola de la Torre
Beneficiário:Lucimara Gaziola de la Torre
Instituição-sede: Faculdade de Engenharia Química (FEQ). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Pesq. associados: Gabriela de Sá Cavalcanti Corrêa
Assunto(s):Nanotecnologia  Lipossomos  Ácido hialurônico  Vacinas de DNA  Leishmaniose  Nanopartículas 

Resumo

Este projeto visa ao desenvolvimento tecnológico de lipossomas catiônicos contendo o LACK DNA e recobertos com o ácido hialurônico, para a vetorização de vacinas gênicas destinadas para o combate da Leishmaniose, pela rota intranasal. A eficácia do LACK DNA administrado livre por via intranasal na Leishmaniose cutânea já foi comprovada pelo Instituto de Biofísica Carlos Chagas Filho-RJ. O ácido hialurônico é um polissacarídeo natural com propriedades mucoadesivas, já utilizado para aplicações de vacinas pela rota intranasal e que também permite a elevação da eficiência de entrega de DNA presente em lipossomas catiônicos para o interior de células. Os lipossomas serão compostos dos lipídios: fosfatidilcolina natural de ovo, 1,2-dioleoil-sn-glicero-3-fosfoetanolamina e 1,2-dioleoil-3-trimetilamônio-propano e o ácido hialurônico para recobrimento será de baixa massa molar. As nanopartículas serão caracterizadas quanto a suas propriedades físico-químicas em termos de potencial zeta, morfologia, diâmetro médio hidrodinâmico, polidispersidade e distribuição de tamanhos. A incorporação do LACK DNA será avaliada em termos de acessibilidade à sonda de fluorescência, razão molar para completa incorporação e integridade após processamento (eletroforese em gel de agarose). A melhor formulação será enviada para avaliação in vivo no Instituto de Biofísica Carlos Chagas - RJ. A experiência prévia do grupo de pesquisa na área de lipossomas catiônicos focou o desenvolvimento de vacina de DNA contra a tuberculose (uma patente, um certificado de adição e 4 publicações) e o estudo do aumento de escala desta complexação eletrostática (Processo PIPE II FAPESP). Neste contexto, este projeto contribuirá para o desenvolvimento de novas nanoestruturas destinadas à vacinação gênica contra a Leishmaniose, projetadas especificamente para administração intranasal. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
GASPERINI, ANTONIO A. M.; PUENTES-MARTINEZ, XIMENA E.; BALBINO, TIAGO ALBERTINI; RIGOLETTO, THAIS DE PAULA; CAVALCANTI CORREA, GABRIELA DE SA; CASSAGO, ALEXANDRE; PORTUGAL, RODRIGO VILLARES; DE LA TORRE, LUCIMARA GAZIOLA; CAVALCANTI, LEIDE P. Association between Cationic Liposomes and Low Molecular Weight Hyaluronic Acid. Langmuir, v. 31, n. 11, p. 3308-3317, MAR 24 2015. Citações Web of Science: 12.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.