Busca avançada
Ano de início
Entree

Para pensar ambiente e sociedade: a contribuicao da teoria da sociedade de risco.

Resumo

O presente projeto visa realizar um estudo aprofundado da obra de Ulrich Beck, que formulou a teoria da Sociedade de Risco. Considera-se que este autor, e obra correspondente, apresenta grande contribuição às ciências sociais contemporâneas, na medida em que formula conceitos e concepções que põem em cheque as bases estruturais das ciências sociais, tal como fora instituídas no século XIX e consolidadas no decorrer do século XX. A formulação da teoria da Sociedade de Risco, com bases conceito de reflexividade da modernidade, apresenta algumas questões provocativas para as ciências sociais: 1) o conceito de risco, inserido na tríade risco-tecnologia-futuro, instiga as ciências sociais a ultrapassarem as fronteiras disciplinares; 2) considerando-se as associações de risco, abala-se o pensamento focado nas estruturas sociais; 3) a linguagem da sociedade de risco desafia a linguagem da injustiça social; 4) o risco está embutido na racionalidade da produção social, (em seu mais amplo sentido). (AU)