Busca avançada
Ano de início
Entree

Diversidade funcional e filogenética em função do fogo, invasão por espécies exóticas e variáveis edafo-topograficas em áreas de cerrado no Parque Nacional das Emas (GO)

Processo: 08/57502-0
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de março de 2009 - 31 de agosto de 2011
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Ecologia - Ecologia de Ecossistemas
Pesquisador responsável:Marco Antônio Portugal Luttembarck Batalha
Beneficiário:Marco Antônio Portugal Luttembarck Batalha
Instituição-sede: Centro de Ciências Biológicas e da Saúde (CCBS). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos , SP, Brasil
Assunto(s):Savana  Conservação  Diversidade funcional  Fogo  Cerrado 

Resumo

A diversidade biológica pode influenciar a estrutura e o funcionamento das comunidades de muitas maneiras, como, por exemplo, alterando a complementaridade no uso de recursos peias espécies.. Porém, as medidas tradicionais de diversidade têm sido consideradas estimativas muito grosseiras da estrutura e do funcionamento da comunidade que incorporem informações sobre as relações filogenéticas das espécies ou das suas características funcionais devem ser melhores do que essas medidas tradicionais. Devido, à sua alta riqueza, alto grau de endemismo e baixo estado de preservação, o cerrado é considerado um pontos quentes no mundo para a conservação da biodiversidade. Pretendemos estudar uma importante reserva de cerrado, lançando 100 unidades amostrais, medindo alguns descritores da vegetação, alguns atributos funcionais, graus de perturbações relacionados à freqüência de queimadas e às invasões biológicas e variáveis edafo-topográficas. Com isso, esperamos chegar a um modelo para prever as diversidades funcional, e filogenética em cerrado, com, base em perturbações como o fogo e o grau de invasão por gramíneas exóticas e em variáveis edafo-topográficas. Pretendemos, assim, identificar até que ponto as diversidades funcional e filogenética respondem às perturbações e até que ponto são determinadas pelo solo e relevo, procurando fazer previsões para as propriedades da comunidade com propósitos de manejo. Com este projeto, pretendemos também fornecer avanços metodológicos na identificação de atributos que são funcionalmente importantes e na aplicabilidade das diversidades funcional e filogenética para prever mudanças vegetacionais - notadamente, do componente arbustivo-arbóreo - em sítios de cerrado sujeitos a diferentes regimes de fogo e graus de invasão. (AU)