Busca avançada
Ano de início
Entree

Crianças nascidas de mulheres submetidas a transplante renal: avaliação imunológica, passagem transplacentária de anticorpos e resposta a vacinação

Processo: 08/11670-9
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de maio de 2009 - 31 de outubro de 2011
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Saúde Materno-infantil
Pesquisador responsável:Maria Isabel de Moraes Pinto
Beneficiário:Maria Isabel de Moraes Pinto
Instituição-sede: Escola Paulista de Medicina (EPM). Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Campus São Paulo. São Paulo , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):11/09017-8 - Crianças nascidas de mulheres submetidas a transplante renal: avaliação imunológica, passagem transplacentária de anticorpos e resposta a vacinação, BP.TT
09/14535-8 - Crianças nascidas de mulheres submetidas a transplante renal: avaliação imunológica, passagem transplacentária de anticorpos e resposta a vacinação, BP.TT
Assunto(s):Gestantes  Troca materno-fetal  Transplantes  Rim  Imunossupressores  Vacinação  Crianças 

Resumo

Apesar das crianças nascidas de mulheres que realizaram transplante renal nascerem, em grande maioria, sem alterações clínicas, sabe-se que estiveram expostas a imunossupressores durante todo o período embrionário e fetal. Pouco se sabe a respeito da imunidade transplacentária conferidas por essas gestantes a seus conceptos, assim como do sistema imune dessas crianças ao nascimento e de sua resposta à vacinação no primeiro ano de vida. Neste projeto, estudaremos 20 crianças nascidas de mulheres submetidas a transplante renal. Elas serão avaliadas ao nascimento e aos 8 meses de idade e comparadas com um grupo de 30 crianças nascidas a termo de mulheres saudáveis e de 20 crianças pré-termo, pareadas por idade gestacional com os prematuros do grupo de mulheres transplantadas. A passagem transplacentária de imunoglobulina G total e de anticorpos contra sarampo, varicela, tétano, Haemophilus influenzae tipo b e Streptococcus pneumoniae serão avaliadas através de nefelometria e de ensaios imunoenzimáticos, respectivamente. O sistema imune dessas crianças será também estudado através de citometria de fluxo em amostras de sangue de cordão, ao nascimento, e de sangue periférico, aos 8 meses, quanto ao número de células TCD3+, TCD4+, TCD8+, células B, células Natural Killer, células gd, T regulatórias, NKT e monócitos. A maturação celular será avaliada por marcação por CD45RA e CCR7 em TCD4+ e TCD8+ e por CD27 e IgD, em células B. A ativação celular será estudada por expressão de CD38 e HLA-DR. Os monócitos serão investigados quanto à expressão de TLR2 e TLR4. A avaliação funcional de células T e B após estímulo in vitro será feita através da expressão de CD154 em T (ligante do CD40) e CD40 em B. Células dendríticas serão também avaliadas após estímulo antigênico, com a análise da expressão de HLA-DR e produção de interferon-a e TNF-a nas duas subpopulações (plamocitóides e mielóides). Já a resposta a antígenos vacinais e sua tolerabilidade serão avaliadas pela dosagem de anticorpos contra tétano, Haemophilus influenzae tipo b e Streptococcus pneumoniae após vacinação aplicada durante o primeiro ano de vida nas mesmas crianças. Os resultados deste estudo permitirão um maior conhecimento do sistema imune destas crianças expostas a imunossupressores durante a gestação, tanto ao nascimento quanto após decorridos 8 meses de vida sem a influência destas drogas. (AU)

Publicações científicas (4)
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
DINELLI, MARIA ISABEL S.; DOS SANTOS, AMELIA M. N.; WECKX, LILY Y.; DE MORAES-PINTO, MARIA ISABEL. Safe administration of rotavirus vaccine in a cohort of infants exposed to immunosuppressive drugs during gestation. TRANSPLANT INFECTIOUS DISEASE, v. 20, n. 5 OCT 2018. Citações Web of Science: 1.
DINELLI, M. ISABEL S.; ONO, ERIKA; VIANA, PATRICIA O.; DOS SANTOS, AMELIA M. N.; ISABEL DE MORAES-PINTO, M. Growth of children born to renal transplanted women. EUROPEAN JOURNAL OF PEDIATRICS, v. 176, n. 9, p. 1201-1207, SEP 2017. Citações Web of Science: 2.
SARAIVA DINELLI, MARIA ISABEL; ONO, ERIKA; VIANA, PATRICIA OLIVEIRA; SPINA, FERNANDA GARCIA; WECKX, LILY YIN; NUNES DOS SANTOS, AMELIA MIYASHIRO; DE MORAES-PINTO, MARIA ISABEL. Response to immunization in children born to renal transplant recipients using immunosuppressive drugs during gestation. Vaccine, v. 34, n. 4, p. 404-407, JAN 20 2016. Citações Web of Science: 3.
VIANA, PATRICIA OLIVEIRA; ONO, ERIKA; SARAIVA DINELLI, MARIA ISABEL; COSTA-CARVALHO, BEATRIZ TAVARES; NUNES DOS SANTOS, AMELIA MIYASHIRO; SASS, NELSON; DE MORAES-PINTO, MARIA ISABEL. Maternally acquired IgG immunity in neonates born to renal transplanted women. Vaccine, v. 33, n. 27, p. 3104-3109, JUN 17 2015. Citações Web of Science: 4.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.