Busca avançada
Ano de início
Entree

Diagnóstico de hipertrofia de tonsila faríngea empregando três métodos distintos: Raio X simples de cavum, telerradiografia de perfil e nasofibroscopia

Processo: 08/53538-0
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de setembro de 2008 - 31 de agosto de 2010
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Clínica Médica
Pesquisador responsável:Shirley Shizue Nagata Pignatari
Beneficiário:Shirley Shizue Nagata Pignatari
Instituição-sede: Escola Paulista de Medicina (EPM). Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Campus São Paulo. São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Ortodontia  Respiração bucal  Otorrinolaringologia  Nasofaringe  Tonsila faríngea 

Resumo

A hipertrofia da tonsila faríngea, e subseqüente obstrução nasofaringeana são tópicos que ainda suscitam debates entre diversas frentes de estudo. Um dos aspectos marcantes desta discussão refere-se ao método utilizado para o diagnóstico desta condição clínica. Embora haja consenso no que se refere à superioridade do exame fibronasoendoscópico, habitualmente empregado pelos otorrinolaringologistas, há que se considerar a praticidade e o baixo custo das radiografias utilizadas pelos mesmos, e por ortodontistas sob o propósito de artifício diagnóstico. O objetivo deste estudo é promover uma comparação de métodos de diagnóstico radiográficos, utilizando o exame fibronasoendoscópico como parâmetro. A amostra será composta por 70 crianças, de ambos os gêneros, pertencentes à faixa etária de 4 a 12 anos. Os pacientes selecionados deverão ser submetidos a duas modalidades de exames radiográficos (radiografia de cavum e telerradiografia de perfil), bem como ao exame fibronasoendoscópico, de forma que cada um deles possuirá três registros. Sobre as radiografias, serão feitos traçados anatômicos e medidas da região nasofaringeana e da tonsila faríngea. Tais parâmetros serão então confrontados diretamente com os achados do exame fibronasoendoscópico, de forma a verificar a ausência ou presença de relação entre as modalidades diagn6sticas analisadas. (AU)

Publicações científicas (7)
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
MURILO FERNANDO NEUPPMANN FERES; TOMAS SALOMÃO MUNIZ; SAULO HENRIQUE DE ANDRADE; MAURILO DE MELLO LEMOS; SHIRLEY SHIZUE NAGATA PIGNATARI. Craniofacial skeletal pattern: is it really correlated with the degree of adenoid obstruction?. Dental Press J. Orthod., v. 20, n. 4, p. 68-75, Ago. 2015.
FERES, MURILO F. N.; HERMANN, JULIANA S.; SALLUM, ANA C.; PIGNATARI, SHIRLEY S. N. Radiographic adenoid evaluation - suggestion of referral parameters. Jornal de Pediatria, v. 90, n. 3, p. 279-285, MAY-JUN 2014. Citações Web of Science: 1.
MURILO F.N. FERES; JULIANA S. HERMANN; ANA C. SALLUM; SHIRLEY S.N. PIGNATARI. Radiographic adenoid evaluation - suggestion of referral parameters. Jornal de Pediatria, v. 90, n. 2, p. -, Abr. 2014.
MURILO FERNANDO NEUPPMANN FERES; JULIANA SATO HERMANN; ANA CAROLINA SALLUM; SHIRLEY SHIZUE NAGATA PIGNATARI. Estradiol and thermoregulation in adult endotoxemic rats exposed to lipopolysaccharide in neonatal life. Radiologia Brasileira, v. 47, n. 2, p. 79-83, Abr. 2014.
NEUPPNNANN FERES, MURILO FERNANDO; HERMANN, JULIANA SATO; SALLUM, ANA CAROLINA; NAGATA PIGNATARI, SHIRLEY SHIZUE. Endoscopic Evaluation of Adenoids: Reproducibility Analysis of Current Methods. Clinical and Experimental Otorhinolaryngology, v. 6, n. 1, p. 36-40, MAR 2013. Citações Web of Science: 6.
NEUPPMANN FERES, MURILO FERNANDO; HERMANN, JULIANA SATO; NAGATA PIGNATARI, SHIRLEY SHIZUE. Cephalometric evaluation of adenoids: An analysis of current methods and a proposal of a new assessment tool. AMERICAN JOURNAL OF ORTHODONTICS AND DENTOFACIAL ORTHOPEDICS, v. 142, n. 5, p. 671-678, NOV 2012. Citações Web of Science: 2.
NEUPPMANN FERES, MURILO FERNANDO; PAULO DE SOUSA, HELDER INOCENCIO; FRANCISCO, SHEILA MARCIA; NAGATA PIGNATARI, SHIRLEY SHIZUE. Reliability of radiographic parameters in adenoid evaluation. Brazilian Journal of Otorhinolaryngology, v. 78, n. 4, p. 80-90, JUL-AUG 2012. Citações Web of Science: 4.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.