Busca avançada
Ano de início
Entree

Eletrodeposição de urânio para produção de alvos de irradiação

Processo: 10/01244-2
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de julho de 2010 - 30 de junho de 2012
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Nuclear - Aplicações de Radioisótopos
Pesquisador responsável:Adonis Marcelo Saliba Silva
Beneficiário:Adonis Marcelo Saliba Silva
Instituição-sede: Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares (IPEN). Secretaria de Desenvolvimento Econômico (São Paulo - Estado). São Paulo , SP, Brasil
Pesq. associados: Fátima Maria Sequeira de Carvalho
Assunto(s):Eletrodeposição  Urânio 

Resumo

A eletrodeposição de urânio é pesquisada com diversas finalidades. Uma das principais linhas de pesquisa é a produção de alvos de irradiação para gerar os radionuclídeos 99Mo-99mTc e 131I, utilizados como agentes de radiodiagnóstico. A eletrodeposição ainda é usada para preparação de tubos revestidos com urânio enriquecido para medição de fluxo neutrônico em câmaras de fissão e também na preparação de amostras de espectroscopia alfa. A eletrodeposição depende da janela eletroquímica do potencial de redução do urânio, que não é favorável em meio aquoso. Há vários métodos para se ampliar essa janela e, assim, acelerar a quantidade depositada, bem como, melhorar as propriedades físicas da camada depositada. O eletrodepósito pode ocorrer tanto na forma metálica, como na forma de óxidos. Nesse projeto pretende-se obter um processo que seja tecnologicamente viável para produção de alvos de irradiação para produção do par de radionuclídeos Mo-Tc, pois há uma demanda reprimida desse material nuclear no Brasil. (AU)